Você está aqui Mundo Educação Biologia A origem da vida Hipótese de Oparin e Haldane

Hipótese de Oparin e Haldane

A hipótese de Oparin e Haldane baseou-se na ideia de que os seres vivos surgiram a partir de moléculas orgânicas, que, por sua vez, formaram-se de substâncias inorgânicas presentes na atmosfera.

Hipótese de Oparin e Haldane
O planeta como conhecemos hoje é completamente diferente daquele quando as primeiras formas de vida surgiram

A origem da vida é um tema que ainda intriga muitos pesquisadores. Até o momento não há provas concretas de como a primeira forma de vida surgiu na Terra, entretanto, algumas teorias tentam explicar esse importante acontecimento. Uma das teorias mais aceitas foi proposta por Oparin e Haldane.

Hipótese de Oparin e Haldane

Na década de 1920, Aleksandr Oparin (1894-1980) apresentou sua hipótese, que se baseava na ideia de que modificações lentas e graduais causaram a formação de compostos orgânicos, como proteínas e carboidratos, e, posteriormente, agregados moleculares com certo metabolismo. Um processo semelhante ao proposto por Oparin foi descrito também por John B.S.Haldane (1892-1964).

A hipótese proposta pelos dois pesquisadores, de forma independente, assumiu a ideia de que a vida iniciou-se a partir de uma evolução química, na qual compostos inorgânicos combinaram-se e deram origem a moléculas orgânicas inicialmente simples, mas que, com o tempo, foram combinando-se e originaram moléculas mais complexas. Essa hipótese pode ser dividida em três partes:

  • Síntese pré-biótica de moléculas orgânicas: nessa primeira etapa, as moléculas orgânicas eram formadas a partir de compostos inorgânicos. A atmosfera primitiva era formada por amônia, metano, hidrogênio e vapor de água. Com a diminuição da temperatura, o vapor de água condensava-se e caía na crosta terrestre, o que deu início ao ciclo das chuvas. Nesse período, as descargas elétricas eram fortes e, com a radiação, agiam sobre as moléculas presentes na atmosfera, formando moléculas orgânicas.

  • Agregação de moléculas: nessa fase, as moléculas formadas começaram a unir-se e originaram compostos cada vez mais complexos e com um metabolismo primitivo. Quando a temperatura do planeta caiu ainda mais e as rochas resfriaram-se, os mares, lagos e oceanos começaram a formar-se, e as sustâncias lá presentes juntaram-se em estruturas maiores, dando origem aos chamados coacervados. Estes tinham a capacidade de absorver substâncias do meio e transformá-las em seu interior. Eles também eram capazes de reproduzir-se.

  • Evolução: os organismos sofreram grandes modificações, e seus aparatos bioquímicos tornaram-se semelhantes aos atuais.

Tags Relacionadas

Assuntos Relacionados