Você está aqui Mundo Educação Biologia Animais Libélula (Ordem Odonata)

Libélula (Ordem Odonata)

Libélula (Ordem Odonata)
As libélulas possuem três pares de patas. Fotografia: Jean Jeremias.
Reino: Animalia
Filo: Arthropoda
Classe: Insecta
Ordem: Odonata

Libélulas são insetos de abdome alongado. Possuem dois pares de asas, de envergadura que varia entre dois e vinte centímetros, e que podem funcionar separadamente, de acordo com a forma e velocidade de vôo. Quanto a isso, podem bater suas asas até 50 vezes por segundo e atingir cerca de 90 km/h, com condições de se manterem no ar por aproximadamente 5 horas diárias.

Seus olhos compostos conferem excelente visão panorâmica e auxiliam na busca por alimento e fuga de predadores. Alimentam-se de girinos, peixes juvenis e insetos, inclusive indivíduos da própria espécie. Podem ingerir cerca de 15% de seu peso, diariamente.

Vivendo próximas a regiões de água limpa - local onde vivem no estágio larval - podem ser consideradas bioindicadoras da qualidade ambiental.

Assim que uma libélula nasce, permanece no ambiente aquático por aproximadamente cinco anos, passando por várias metamorfoses até adquirir forma adulta. Cerca de 10% de sua vida corresponde à fase não-larval, período em que pode viver individualmente ou em grupos, dependendo da espécie.

No momento em que sofre a última muda, a fim de transformar-se em inseto voador, sobe pela haste de alguma planta e se mantém imóvel até o rompimento do último exoesqueleto. Após aproximadamente três horas, está pronta para alçar vôo e completar o ciclo de vida, buscando por um parceiro sexual, a fim de perpetuar a espécie.

O macho é territorial, com comportamento agressivo. Ele possui pênis e, para penetrar a fêmea, a fim de acasalarem-se, ambos retorcem o corpo. O conjunto macho + fêmea, neste momento, tem forma semelhante a um coração. Antes do ato em si, muitas espécies executam rituais de corte.

Por Mariana Araguaia
Graduada em Biologia

Tags Relacionadas Filo Arthropoda Classe

Assuntos Relacionados