Você está aqui Mundo Educação Biologia Bioquímica Os tipos de excretas
Os tipos de excretas
Animais: amoniotélicos, uricotélico e ureotélicos, respectivamente.

Excretas é a designação biológica empregada aos resíduos nitrogenados produzidos pelo metabolismo, devendo ser eliminados a fim de permitir um estado de equilíbrio interno (homeostase) do organismo, sendo os tipos de excretas nos diferentes grupos de animais: a amônia, a uréia ou o ácido úrico.

O tipo de excreção de uma dessas substâncias tóxicas está diretamente relacionado com a quantidade de água disponível na composição corpórea de cada ser vivo, como também associado ao ambiente onde o mesmo habita.

Classificação quanto ao tipo de excreta:

Amoniotélicos (animais que excretam amônia) → essa substância é extremamente tóxica aos organismos, sendo a alta solubilidade em água, uma propriedade química considerável durante a evolução principalmente dos invertebrados aquáticos e peixes ósseos.

Ureotélicos (animais que excretam uréia) → substância solúvel em água, contudo menos tóxica que a amônia. Sintetizada no fígado dos vertebrados a partir da reação da amônia e o gás carbônico, representa uma estratégia adaptativa de certos animais terrestres: os anelídeos, os peixes cartilaginosos, os anfíbios, e os mamíferos.

Uricotélico (animais que excretam ácido úrico) → substância de toxicidade baixa e insolúvel em água, uma forma mais adaptável à vida terrestre, utilizada pelos insetos, répteis e aves.


Assuntos Relacionados

Comentários