Você está aqui Mundo Educação Biologia Pressão Arterial

Pressão Arterial

Pressão arterial é a tensão que o sangue exerce contra a superfície das artérias. A hipertensão é a elevação anormal da pressão nas artérias. Esse aumento traz riscos à saúde.

Pressão Arterial
Aferição da pressão arterial, uma prática preventiva importante.

A pressão arterial é a tensão que o sangue exerce contra a superfície das artérias, decorrente ao movimento de bombeamento do coração impulsionando em média, cerca de 70ml de sangue a cada ciclo cardíaco, isto é, a pulsação rítmica de contração e relaxamento (respectivamente sístole e diástole).

Desta forma, a pressão arterial representa o comportamento combinado de uma pressão sistólica seguida de uma pressão diastólica e assim sucessivamente. Tendo cada uma suas particularidades, sendo:

Pressão diastólica → força que o sangue promove dentro das artérias durante a diástole ventricular. Seu valor para uma pessoa saudável adulta é da ordem de 80mmHg.

Pressão sistólica → força que o sangue exerce dentro das artérias durante a sístole ventricular. Normalmente compreende valor da ordem de 120mmHg.

Distúrbio da pressão:

A pressão arterial alta (hipertensão) é comumente um distúrbio assintomático no qual a elevação anormal da pressão nas artérias aumenta a propensão de acidente vascular cerebral, ruptura de um aneurisma, insuficiência cardíaca, infarto do miocárdio e lesão renal.

Nos casos de hipertensão arterial, é comum tanto a pressão sistólica quanto a pressão diastólica estarem elevadas.

Para muitas pessoas, a palavra hipertensão sugere tensão excessiva, nervosismo ou estresse. Contudo, em termos clínicos, hipertensão refere-se a um quadro de pressão arterial elevada, independentemente da causa.

Assuntos Relacionados