Você está aqui Mundo Educação Biologia Relógio biológico
Relógio biológico
O funcionamento do organismo e a duração dos dias e das noites.
O termo “relógio biológico” é designado a qualquer comportamento fisiológico do organismo, seja dos vegetais ou dos animais, com atividade funcional correspondente a ciclos previsíveis.

Esse mecanismo interno do corpo humano determina o controle de vários aspectos, como a temperatura corporal e a liberação de hormônios ou de enzimas digestivas.

Em resposta harmônica ao meio ambiente, o organismo ajusta-se ao chamado ritmo circadiano. Com período de 24 horas condicionado pela luz solar (os dias e as noites), desencadeia reações metabólicas que nos sujeita às situações como: o momento que sentimos fome ou o horário que sentimos sono e até mesmo os períodos de maior disposição ou até de maior tristeza.

Em 1911, o zoólogo austríaco Karl von Frisch (1886-1982) descobriu que todo o processo é regido pela luz ou pela escuridão do ambiente, percebida por alguma parte profunda do cérebro.

Atualmente, os neurologistas têm como certo que o relógio biológico, funciona com princípio a partir da percepção luminosa, captada por 20 mil neurônios, formando um núcleo supraquiasmático (aglomerado de neurônios concisos), localizados na região posterior aos olhos.

Respeitar o ritmo circadiano é essencial para a saúde, o bem-estar e o desempenho físico e mental. Para quem trabalha no período noturno ou atravessa vários fusos horários durante uma viagem de avião, está sujeito não só a desordens do comportamento regular do sono, mas também a disfunções neurológicas, cardiovasculares e endócrinas.

Assuntos Relacionados