Você está aqui Mundo Educação Biologia Botânica Tipos de frutos

Tipos de frutos

Existem diferentes tipos de frutos, os quais podem ser classificados, de uma maneira básica, em: simples, agregados e múltiplos.

Tipos de frutos
Os frutos podem ser definidos como o ovário maduro

Os frutos podem ser definidos de maneira bastante simplificada como o ovário maduro. Eles se originam após a fecundação ou ainda sem que ocorra esse processo, sendo esse último caso conhecido como partenocarpia (frutos partenocárpicos).

De uma maneira geral, os frutos podem ser classificados em três tipos básicos:

  • Simples: Os frutos simples são aqueles formados por um único carpelo ou carpelos fusionados de uma mesma flor. Exemplo: Abacate, tomate, cereja.

  • Agregados: Os frutos agregados são aqueles formados pelo desenvolvimento de vários carpelos de uma mesma flor. Exemplo: Framboesa, morango.

  • Múltiplos: Os frutos múltiplos são aqueles formados pelos gineceus de várias flores (inflorescência). Exemplo: Amora, abacaxi.

Vale frisar que, quando um fruto apresenta tecido acessório (tecido não carpelar), ele é denominado de fruto acessório ou pseudofruto. A maçã e a pera, por exemplo, apresentam alto grau de desenvolvimento do tubo floral, de modo que a parte carnosa é basicamente derivada dessa estrutura. Percebe-se, portanto, que a maçã e a pera são frutos acessórios.

A pera é um exemplo de fruto acessório
A pera é um exemplo de fruto acessório

Frutos simples

Os frutos simples constituem o grupo mais diverso de frutos. De uma maneira geral, podem ser classificados em dois tipos básicos (carnosos e secos), os quais apresentam subtipos:

  • Carnosos: são aqueles que apresentam pericarpo (parede do ovário maduro) suculento. Um fruto carnoso pode ser classificado em três tipos principais:

⇒ Baga: São frutos que apresentam de uma a muitas sementes e apresentam endocarpo e mesocarpo carnosos. O exocarpo pode ser fino ou resistente a depender da espécie. Exemplo: Laranja, uva.

⇒ Drupa: São frutos que apresentam caroço e, na maioria das vezes, apenas uma semente. Diferentemente da baga, apenas o mesocarpo é carnoso. O endocarpo é pétreo e envolve a semente, e o exocarpo é geralmente fino. Exemplo: Azeitona, pêssego, coco.

O coco é um exemplo de fruto do tipo drupa, que apresenta mesocarpo fibroso
O coco é um exemplo de fruto do tipo drupa, que apresenta mesocarpo fibroso

⇒ Pomo: São frutos que apresentam a parte carnosa derivada principalmente de tecido não carpelar (fruto acessório), e seu endocarpo apresenta consistência cartilaginosa. Exemplo: Maçã, pera.

  • Secos: Os frutos secos são aqueles que apresentam pericarpo pouco desenvolvido e com pouca água. Frutos secos podem ser classificados de diversas formas, havendo duas formas principais (deiscentes e indeiscentes), as quais apresentam subtipos:

⇒ Deiscentes: Esses frutos, quando maduros, abrem-se de modo a expor a semente. Esses frutos podem ser classificados ainda em:

- Folículo: Fruto abre-se de um lado quando maduro. Exemplo: Chichá.

- Legume: Fruto abre-se dos dois lados quando maduro. Exemplo: Feijão.

A ervilha é um exemplo de fruto do tipo legume
A ervilha é um exemplo de fruto do tipo legume

- Síliqua: Fruto abre-se dos dois lados, mas as sementes permanecem conectadas a uma porção central. Exemplo: Ipê.

- Cápsula: Fruto formado por um ovário com mais de um carpelo que libera suas sementes de diversas formas, como longitudinalmente, por meio de furos ou por uma tampa. Exemplo: Papoula.

⇒ Indeiscentes: Frutos que não se abrem na maturidade para a liberação das sementes. São tipos de frutos indeiscentes:

- Aquênio: Fruto que apresenta uma única semente que permanece ligada apenas por um ponto. Exemplo: Girassol.

- Sâmara: Fruto alado que apresenta expansões que lembram uma asa. Exemplo: Tipuana.

- Cipsela: Fruto típico das Asteraceae e semelhante ao aquênio, mas com a presença de papus (modificação do cálice). Exemplo: Dente-de-leão.

O dente-de-leão é um exemplo de fruto do tipo cipsela
O dente-de-leão é um exemplo de fruto do tipo cipsela

- Cariopse: O revestimento da semente fica firmemente conectado ao pericarpo. Exemplo: milho.

- Nozes: Frutos que se destacam pelo seu pericarpo duro. Exemplo: Noz-moscada.

- Esquizocarpo: Fruto que se decompõe em mericarpos (porção contendo uma semente) na maturidade. Exemplo: mamona.

Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto

Tags Relacionadas

Assuntos Relacionados