Você está aqui Mundo Educação Biologia Genética Transfusão de sangue

Transfusão de sangue

Transfusão de sangue
Transfusão de sangue: um procedimento médico associado a um ato solidário.

A transfusão é um processo de transferência de tecido conjuntivo sangüíneo de um doador a um receptor, envolvendo preferencialmente pessoas do mesmo grupo genotípico (O, A, B ou AB).

Tipo sangüíneo

Aglutinogênio
(na membrana das hemácias)

Aglutinina
(no plasma)

A

A

Anti-B

B

B

Anti-A

AB

AB

Nenhum

O

Nenhum

Anti-A e Anti-B

Dessa forma, é importante que o aglutinogênio característico do doador, seja compatível com a aglutinina presente no plasma do receptor. Caso contrário ocorrerá aglutinação das hemácias recebidas, causando sérios problemas ao receptor.

Exemplo:
Pela aplicação do sistema ABO, se o doador tiver aglutinogênio A só poderá doar para um receptor que não tenha aglutinina anti-A no plasma, ou seja, indivíduos do grupo A ou AB. Se a doação for feita para uma pessoa do grupo B ou O, ocorrerá aglutinação das hemácias doadas no interior dos vasos sangüíneos do receptor, devido à aglutinina anti-A contida em seu plasma.

Conforme a tabela abaixo está representada as possibilidades de transfusão conforme o tipo sangüíneo, demonstrando para cada um a situação de receptor ou doador.

Tipo sangüíneo

Receptor

Doador

A

A e O

A e AB

B

B e O

B e AB

AB

A, B, AB e O

AB

O

O

A, B, AB e O

Em transfusões, além do sistema ABO, também é analisado o sistema Rh, onde indivíduos Rh- podem doar sangue tanto para pessoas Rh- quanto para os RH+. Já o RH+ somente pode doar para outro RH+.

Considerando esses dois sistemas, os indivíduos do tipo ORh-, são considerados doadores universais. E os do tipo ABRh+, receptores universais.

Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto

Assuntos Relacionados