Você está aqui Mundo Educação China Muralha da China

Muralha da China

Muralha da China
Pequeno trecho da Muralha da China.
A Muralha da China, também chamada de Grande Muralha, é uma gigantesca construção arquitetônica criada pela engenharia chinesa. Essa construção não se consolidou de uma só vez, pelo contrário, foram necessários cerca de dois mil anos para concluí-la. Durante esse tempo, diversas dinastias (sequência de governantes, soberanos, reis, príncipes, pertencentes a uma mesma família) deram continuidade à construção.

A Muralha da China começou a ser construída em 220 a.C, a partir das ordens de Qin Shihuang, imperador chinês daquela época. A mesma foi finalizada somente no século XVI. A muralha foi erguida em razão da grande incidência de invasões dos povos do norte vindos da Mongólia e da Manchúria. Essa construção tinha uma função estratégica militar de defesa.

Quando os europeus chegaram à China, ficaram surpreendidos com o nível de desenvolvimento tecnológico da civilização chinesa; e o que mais chamou a atenção dos colonizadores europeus foi a Muralha.

A muralha possui aproximadamente 2 300 km de extensão, uma altura média de 7,5 metros e cerca de 3,75 metros de largura; tais características fazem com que essa seja uma das maiores obras feitas pela humanidade. A Muralha da China, que no passado tinha finalidade militar, hoje é um símbolo chinês e um dos mais famosos pontos turísticos do mundo.

Estima-se que durante a construção da muralha foi usada a mão-de-obra de aproximadamente 1 milhão de pessoas, desse total, cerca de 250 mil perderam suas vidas no decorrer da obra.

Atualmente, a Muralha é uma das Sete Maravilhas do Mundo construída pelo homem, reconhecimento internacional que aconteceu em 2007.

Assuntos Relacionados