Você está aqui Mundo Educação Doenças Apendicite

Apendicite

Apendicite
O apêndice é a tubulação final destacada na figura.
O apêndice é uma extensão tubular localizada no intestino grosso que não possui grande finalidade no organismo humano, já que produz quantidade insignificante de linfócitos. Quando o apêndice sofre um processo de inflamação provocado por restos fecais, parasitas intestinais, obstrução, cálculos da vesícula biliar, aumento dos gânglios linfáticos ou multiplicação de bactérias por causa de necroses, ocorre o que se chama de apendicite.

A apendicite resulta em dores abdominais, náuseas, vômito, febre, perda do apetite, diarréia e queimação. Após esses sintomas o médico pede exames como raio-x, hemograma, ecografia, tomografia computadorizada, exames de urina e outros. Se não detectada a tempo, a apendicite pode provocar perfuração do órgão, septicemia, abcesso bacteriano, trombose da veia porta e outros problemas que são mais complicados de serem tratados.

Normalmente utiliza-se a retirada do apêndice através de cirurgia no abdômen inferior para melhorar o quadro. A cirurgia pode ser feita de maneira convencional ou por laparoscopia. Antes e depois da cirurgia, o doente deve ingerir antibióticos para reverter o quadro inflamatório. Após a cirurgia pode haver prisão de ventre, o que deve apresentar melhoria com alimentos ricos em fibras, frutas, saladas e bastante água. A recuperação é tranqüila, porém se houver grande processo inflamatório deve-se realizar a drenagem. Nesse caso, o processo de cicatrização torna-se mais lento por causa da drenagem, pois periodicamente instrumentos são inseridos para coletar as secreções liberadas.

Assuntos Relacionados