Furúnculo

O furúnculo é uma inflamação do complexo pilossebáceo geralmente associada à bactéria do gênero Staphylococcus, que provoca uma lesão quente, dolorosa e rica em pus.

Furúnculo
O furúnculo é geralmente causado por bactérias do gênero Staphylococcus

O furúnculo é um problema que atinge o complexo pilossebáceo (folículos pilosos e glândulas sebáceas) e geralmente está associado à bactéria do gênero Staphylococcus. É uma foliculite aguda profunda comum em pessoas adultas, podendo ser decorrente de pelo encravado ou alguma ferida, por exemplo. Os locais mais acometidos pelo problema são pernas, coxas e nádegas.

Sinais e sintomas de um furúnculo

Ao surgir, o furúnculo aparece como um nódulo quente e doloroso. Posteriormente, ele evolui e produz um material purulento que atinge as camadas mais profundas da derme e também o tecido subcutâneo. Quanto maior a quantidade de pus no interior do furúnculo, maior é a dor sentida pelo paciente. Essas lesões geralmente causam a formação de cicatrizes após a retirada do componente purulento.

Quando ocorre uma grande quantidade de furúnculos, tem-se um quadro de antraz. Nesse caso, observa-se o acometimento de vários folículos pilosos, que formam uma planta nodular dolorosa e com temperatura elevada que evolui posteriormente para vários pontos de pus.

Como é realizado o diagnóstico de furúnculo?

Geralmente, o diagnóstico é feito pela análise dos sinais e sintomas do paciente. Entretanto, algumas vezes, surgem dúvidas, as quais podem ser solucionadas por meio da realização de cultura de bactérias. Uma amostra é retirada com um cotonete, que é passado sobre a lesão. O material, então, é colocado em um meio de cultura.

Como é feito o tratamento e qual a forma de prevenção do furúnculo?

O tratamento do furúnculo deve ser feito com uso de antibióticos por meio de recomendação médica, não devendo ser feito por conta própria. É importante nunca espremer o furúnculo, uma vez que ele se rompe normalmente de forma espontânea, sendo raros os casos de necessidade de drenagem cirúrgica. Para ajudar no tratamento, o paciente pode aplicar compressas quentes, que aliviam a dor e ajudam na drenagem natural do furúnculo.

Para prevenir-se, recomenda-se manter a pele sempre limpa. É importante também manter a pele sempre hidratada e tomar cuidado ao utilizar lâminas de barbear para evitar lesões que possam permitir a entrada de bactérias. Recomenda-se também evitar lavagens antissépticas frequentemente – pois isso faz com que ocorra a morte de bactérias protetoras – e roupas muito justas, que dificultam a transpiração. Manter as mãos sempre limpas e lavadas também é essencial.

Tags Relacionadas

Assuntos Relacionados