Gonorréia
A multiplicação da bactéria Neissiria genorrheae

A gonorréia ou blenorragia é uma doença sexualmente transmissível provocada pela bactéria Neissiria genorrheae que se contrai quando a boca, vagina, pênis ou reto entra em contato com um órgão contaminado, podendo infectar até a garganta e os olhos.

A bactéria ao entrar no organismo se espalha através do sangue e se multiplica na uretra, no colo do útero, nas trompas de falópio e no reto, permanecendo por até dez dias incubada, provocando infertilidade, meningite, septicemia, infecção ocular, pneumonia, artrite e outras doenças, se essa não for tratada a tempo. É diagnosticada clinicamente por ser uma doença vulgar e comum, mas que, em alguns casos, pode necessitar de exames laboratoriais para estudos epidemiológicos.

A gonorréia também pode ser transmitida ao feto caso a mulher grávida esteja com a doença.

Sintomas

A doença pode se manifestar através de:

Queimação e dor ao urinar
Inflamação local
Corrimento amarelado e purulento
Prurido
Febre
Dor no estômago
Sangramento
Dor nos testículos
Etc

Tratamento

O tratamento é feito à base de antibióticos, preferencialmente, de única dosagem e quimioterápicos, que requer abstinência sexual durante o mesmo. É uma doença de fácil e barato tratamento, se for seguido corretamente segundo a prescrição médica. É importante que o casal faça o tratamento para que não haja perigo de uma nova contração.

Prevenção

A gonorréia pode ser prevenida com a utilização de preservativos que impedem o contato direto entre o órgão do (a) parceiro (a) e através da limpeza do órgão pós-coito.

Assuntos Relacionados