A hepatite C é uma doença causada pelo vírus HCV. Diferentemente dos outros tipos de hepatite, como A e B, a hepatite C possui sintomas muito discretos, sendo semelhantes aos de uma leve gripe, fator que pode fazer com que o doente demore a procurar tratamento médico.

A doença é transmitida unicamente por contato com o sangue contaminado. Desta forma, as formas de contração da doença são: transfusões de sangue, agulhas compartilhadas, acidentes de trabalho no caso de profissionais de saúde, etc. Especialistas não sabem exatamente se a hepatite C é transmitida via ato sexual, no entanto, se existir essa possibilidade, ela é raríssima. A transmissão da mãe para o feto também é muito rara (5%).

Existe eficaz tratamento para a doença. Ele é feito com a combinação dos medicamentos Interferon e Ribavirina durante o período de um ano, na maioria das vezes. Pacientes mais jovens, sem cirrose e com infecção há menos tempo têm uma maior chance de obter sucesso no tratamento. Por isso, é necessário detectar a doença mais cedo possível.

Um controle rigoroso de qualidade dos bancos de sangue e a não utilização de seringas e agulhas compartilhadas são as principais formas de prevenção. Existem atualmente, cerca de 200 milhões de infectados pelo vírus HCV em todo o mundo.

Assuntos Relacionados

Comentários