Tumor

Um tumor é um crescimento no volume de alguma parte do corpo humano e pode ser classificado em dois tipos: benignos e malignos.

Tumor
Os tumores são gerados a partir da multiplicação anormal das células

Quando a palavra tumor aparece em algum exame, logo pode gerar em nós o medo de uma grave doença. Normalmente, essa palavra é utilizada como sinônimo de câncer. Mas, afinal, o que é um tumor? Todo tumor é um câncer?

→ O que é tumor?

O termo tumor é utilizado para identificar um aumento no volume de alguma parte do corpo. Esse aumento pode ser gerado por uma proliferação exagerada das células e, nesse caso, também pode ser denominado de neoplasia.

As neoplasias podem ser classificadas em dois tipos:

  • Benigna: Nesse tipo, as células aumentam em quantidade, mas de forma mais lenta. Esse crescimento é relativamente organizado e possui limites nítidos. Além disso, essas células afetadas são bem semelhantes às presentes no tecido normal em que se originou o tumor.

    Nas neoplasias benignas, também não há a invasão de tecidos próximos, entretanto, seu aumento exagerado pode levar à compressão de tecidos e órgãos adjacentes. Esse tipo de neoplasia também não consegue ser disseminado em locais distantes de sua origem (metástase).

    Como exemplo de tumores benignos, podemos citar o lipoma e o adenoma. O lipoma atinge o tecido gorduroso, e o adenoma, o tecido glandular.

  • Maligna: As neoplasias malignas diferem-se das benignas pela formação de células relativamente diferentes das encontradas no tecido original. Seu crescimento é mais rápido, com divisões celulares (mitoses) numerosas e anormais. Além disso, esse tumor tem massa pouco delimitada. Diferentemente dos tumores benignos, os tumores malignos podem invadir os tecidos vizinhos e, assim, provocar metástases.

→ O que pode causar os tumores?

Os tumores podem ter causas variadas, que podem ser tanto externas quanto internas. Fatores externos e internos geralmente interagem entre si e acabam determinando o surgimento de um tumor. Como causa interna, podemos citar os fatores genéticos que deixam uma pessoa mais susceptível que outra ao desenvolvimento de tumores. Entretanto, raros são os tumores que surgem exclusivamente por causa de fatores genéticos. Os fatores externos, por sua vez, são variados. Entre eles, merece destaque a exposição a algumas substâncias químicas e à radiação, infecções por vírus e utilização de produtos como cigarro e bebida alcoólica.

→ Tumores são cânceres?

Nem todo tumor é um câncer. Dizemos que câncer são os tumores malignos, ou seja, as neoplasias que apresentam crescimento rápido, com células anormais e com a capacidade de invadir outros tecidos e desencadear metástases. Esses tipos de tumores são agressivos e podem até mesmo levar à morte, diferentemente dos tipos benignos, que geralmente são retirados e não voltam a aparecer.

O câncer pode desenvolver-se em qualquer parte do corpo, entretanto, alguns tipos são mais comuns que outros. Entre os mais comuns em nosso país, estão: o câncer de pele; o câncer de próstata, em homens; o câncer de mama, em mulheres; o câncer colorretal e o câncer de pulmão.

Tags Relacionadas

Assuntos Relacionados