Você está aqui Mundo Educação Física Grandes nomes da Física Evangelista Torricelli

Evangelista Torricelli

Evangelista Torricelli foi um físico e matemático italiano, sucessor de Galileu Galilei, que deu inúmeras contribuições teóricas e experimentais para a Ciência.

Evangelista Torricelli
Estátua de Torricelli na cidade italiana de Faenza, lugar do nascimento do célebre cientista

Evangelista Torricelli foi um físico e matemático que nasceu em Faenza, região norte da Itália, no ano de 1608. Foi criado pelo tio, que era monge, pois perdeu seu pai muito cedo. Torricelli estudou no Colégio Jesuíta de Faenza e, em 1627, com apenas 19 anos de idade, ingressou na Universidade de Roma – La Sapienza – para estudar ciências com o renomado professor Castelli. Até 1632 Torricelli foi secretário do importante professor.

Torricelli e Galilei

O primeiro trabalho de Torricelli foi feito por volta de 1641. A obra De motu tratava sobre o movimento de corpos pesados e abriu as portas para que Torricelli conhecesse e trabalhasse para Galileu Galilei. A convivência dos dois pensadores foi de apenas três meses, pois foi interrompida pela morte de Galileu, que já estava velho e cumpria pena de prisão domiciliar.

O tempo ao lado de célebre cientista pôde construir em Torricelli importantes convicções. Nesse período Galileu enfatizou e convenceu Torricelli sobre a importância do chamado método científico, a necessidade de deixar de lado explicações fundamentadas em crenças e procurar prová-las por meio de experimentos e da Matemática.

Após a morte de Galileu, o grão-duque da Toscana nomeou Torricelli como substituto do célebre cientista e professor da academia de Florentina. Após uma vida de contribuições à Física e à Matemática, Torricelli morreu acometido de febre tifoide em outubro de 1647.

Algumas contribuições de Torricelli

  • Evolução no estudo do movimento de projéteis (famosa equação de Torricelli estudada no movimento uniformemente variado);

  • Desenvolvimento de métodos matemáticos importantes feitos a partir dos estudos de Geometria, especialmente nos estudos de curvas especiais como o cicloide;

  • Contribuiu para a solução da determinação do baricentro de corpos;

  • Evolução em estudos de hidráulica e balística;

  • Foi o criador do barômetro. A partir de um experimento com um tubo cheio de mercúrio, conseguiu determinar a pressão atmosférica e colocar em novas bases a afirmação aristotélica de que “a natureza tem horror ao vácuo”;

  • Encontrou a regra que permite determinar a velocidade em que a água sai de um orifício feito em uma das paredes do recipiente;

  • Contribuiu para o desenvolvimento e criação de instrumentos ópticos (era muito habilidoso no desenvolvimento de lentes).

Tags Relacionadas

Assuntos Relacionados