Você está aqui Mundo Educação Física Curiosidades de Física Sistemas monofásicos, bifásicos e trifásicos

Sistemas monofásicos, bifásicos e trifásicos

Os sistemas mono, bi e trifásicos são instalados de acordo com o tipo de estabelecimento e com a quantidade de equipamentos elétricos.

Sistemas monofásicos, bifásicos e trifásicos
Os sistemas mono, bi e trifásicos são instalados de acordo com a necessidade de cada consumidor

O fornecimento de energia para os inúmeros estabelecimentos residenciais, comerciais e industriais pode ser feito por meio de sistemas monofásicos, bifásicos ou trifásicos. A utilização de cada sistema de transmissão ocorre a partir do tipo de estabelecimento que receberá a energia elétrica e da potência total dos equipamentos elétricos ligados à rede.

Sistema monofásico

No sistema monofásico, a rede é construída com dois fios: uma fase e um neutro. A tensão elétrica máxima que pode ser ofertada por esse sistema é de 127 V. Redes monofásicas são instaladas somente quando a soma das potências de todos os equipamentos de uma residência atinge um valor máximo de 8 kw (8000 watts).

Sistema bifásico

O sistema bifásico é caracterizado pela existência de três fios entre a rede elétrica e o estabelecimento que receberá energia. A capacidade de tensões elétricas é de 127 V ou 220 V. Esse tipo de ligação é utilizado apenas em zonas rurais, onde a quantidade de equipamentos elétricos não é tão grande como a das zonas urbanas. Sistemas bifásicos são utilizados para potências de 12000 W até 25000 W.

Sistema trifásico

No sistema trifásico, a rede elétrica é composta por quatro fios: três fases e um neutro. As tensões elétricas geradas são de 127 V ou 220 V e podem lidar com potências de 25000 W até 75000 W. A instalação trifásica é a mais indicada para residências que possuem equipamentos elétricos cuja soma das potências ultrapassa 8000 W, bem como para indústrias e o comércio.

Vantagens do sistema trifásico

1. Evita a queda inoportuna de energia;

2. Utiliza menor quantidade de cobre e alumínio para fornecer a mesma potência que um sistema monofásico;

3. A potência total nunca é nula;

4. Motores trifásicos são menores que motores monofásicos de mesma potência.

Proteção do sistema trifásico

A proteção de uma instalação trifásica é feita com o auxílio de um disjuntor termomagnético tripolar. Cada fase pode ser ligada a um polo do disjuntor e atender um setor diferente de uma residência, por exemplo. Caso ocorra uma sobrecarga em um dos setores da casa, o disjuntor será desligado, mas o fornecimento de energia para os demais cômodos não será afetado.

Tags Relacionadas

Assuntos Relacionados