Você está aqui Mundo Educação Geografia Geografia ambiental Tipos de poluição

Tipos de poluição

Os principais tipos de poluição são: atmosférica, hídrica, dos solos, visual e sonora. Trata-se de problemas socioambientais que prejudicam enormemente a qualidade de vida.

Tipos de poluição
O problema da poluição é um dos mais graves impactos ao espaço natural e geográfico

O ser humano que vive em sociedade está constantemente produzindo lixo, além de gerar também uma grande quantidade de poluentes que afetam o ar, os solos, as plantações, áreas naturais e outros. Por esse motivo, é preciso entender corretamente como ocorre a poluição gerada pelas atividades humanas para obter novas e melhores medidas de combate ao problema ambiental em questão.

A classificação que será apresentada a seguir refere-se aos principais componentes socioambientais afetados pelo problema da poluição. Assim, como estabelecemos esse critério, outras classificações distintas podem ser estabelecidas com base em outro tipo de requisito. No geral, os tipos de poluição são: atmosférica, dos solos, das águas, visual e sonora.

Poluição atmosférica: ocorre pela emissão de poluentes no ar pelas práticas sociais, tais como a emissão realizada pelas chaminés das indústrias e veículos em geral, que costumam emitir uma grande quantidade de gases tóxicos para a atmosfera, principalmente por meio da queima de combustíveis fósseis (petróleo e gás mineral).

No âmbito das cidades, por exemplo, esse problema torna-se maior em determinadas épocas do ano, pois o fenômeno da inversão térmica dificulta a dispersão dos poluentes para outras áreas. Dessa forma, áreas urbanas inteiras sofrem com uma qualidade muito baixa do ar. Em termos mais abrangentes, o planeta também vem sofrendo em grande escala com a emissão de combustíveis fósseis, o que intensifica o efeito estufa e o aquecimento global, na visão da maioria dos cientistas da atualidade.

Algumas cidades ficam com o ambiente atmosférico muito poluído
Algumas cidades ficam com o ambiente atmosférico muito poluído

Poluição dos solos: esse tipo de poluição interfere tanto na qualidade agricultável do extrato superficial da Terra como na permanência dos seres vivos que nele habitam. Em muitos casos, a poluição dos solos ocorre em conjunto com a poluição hídrica, principalmente com a infiltração de lixo e produtos tóxicos no subsolo, podendo atingir o lençol freático ou qualquer ponto da bacia hidrográfica.

A poluição dos solos ocorre pelo acúmulo de lixo na superfície (lixo esse que leva anos para decompor-se), em aterros sanitários, que produzem um líquido chamado chorume; e nos cemitérios. Além disso, também há a poluição pelos resíduos tóxicos utilizados em larga escala na agricultura. Nesse sentido, é preciso controlar e diminuir ao máximo o uso desse tipo de material nos sistemas agrários a fim de que haja uma maior produtividade de terras férteis em utilizações posteriores.

Poluição das águas: a poluição hídrica ocorre pelo acúmulo de resíduos e poluentes nos cursos de água, como rios, lagos, bacias hidrográficas em geral e também os mares e oceanos. Trata-se de um dos mais graves problemas ambientais, pois afeta a disponibilidade de um dos mais importantes recursos naturais, além de causar a morte de espécies fluviais ou marinhas.

Geralmente, a poluição das águas ocorre com o acúmulo de lixo nas bacias hidrográficas e nos rios, além de derramamento de produtos químicos e também de petróleo no fundo dos mares. Em áreas urbanas, o excesso de poluentes nos rios gera também um grande desconforto para a população em razão da proliferação de doenças e do mau cheiro, causado, em muitos casos, pelo mau direcionamento do esgoto doméstico e industrial.

Poluição sonora: o excesso de barulho no espaço das cidades e também em algumas áreas industriais pode gerar problemas de saúde, além de dificultar a comunicação e o bem-estar da população. O excesso de ruídos elevados no trânsito, nas fábricas e também nas obras aumenta o nível de estresse e provoca problemas de audição.

Poluição visual: é causada pelo excesso de publicidade, cartazes em geral e outras formas de transformar as paisagens no âmbito social. Assim como a poluição sonora, esse tipo de poluição não é tratado por muitos como um problema ambiental, mas pode tornar o espaço geográfico menos harmônico, gerando desconforto e aumentando o nível médio de problemas sociais oriundos do estresse.

Assuntos Relacionados