Você está aqui Mundo Educação Matemática Estatística Conceitos iniciais de estatística

Conceitos iniciais de estatística

Estatística é a parte da ciência responsável pela coleta, organização e interpretação de dados experimentais e pela extrapolação dos resultados da amostra para a população. Mas o que representam os conceitos de amostra e população?

Análise de gráficos estatísticos

População é qualquer conjunto, não necessariamente de pessoas, que constituem todo o universo de informações de que se necessita. Por exemplo, se em uma empresa o diretor gostaria de saber se os funcionários estão satisfeitos com os benefícios oferecidos, a população de estudo são todos os funcionários dessa empresa. Outro exemplo de população é o caso de um biólogo que necessita estudar uma espécie de formigas de uma determinada região. Assim a população corresponde a todas as formigas dessa espécie que vivem nessa região. Note que o conceito de população depende do objetivo do estudo.

Amostra corresponde a um grupo representativo da população. Por exemplo, uma rádio tem o interesse de saber como está sua audiência com os ouvintes no trânsito. Sabemos que não é possível perguntar a todos os motoristas que ouvem rádio qual é aquela que eles preferem. Então buscamos uma amostra dessa população, isto significa, perguntar somente a alguns motoristas qual rádio eles preferem escutar enquanto dirigem.

Quando se faz uma pesquisa, existem algumas características de interesse na população. Por exemplo, se queremos estudar o índice de massa corporal (IMC) de alunos do ensino médio de uma cidade, tomaremos uma amostra dessa população, e mediremos a altura e o peso de cada aluno, já que o IMC é calculado como uma razão entre o peso e o quadrado da altura do indivíduo . Nesse caso, o peso e a altura desses alunos são as variáveis de interesse.

Uma variável pode ser classificada, segundo a informação, em quantitativa ou qualitativa. Variável quantitativa é aquela que mede quantidade, por exemplo, idade, altura, preço, quantidade de vendas etc. Já a variável qualitativa é aquela que mede uma qualidade do indivíduo e pode ser separada em categorias, por exemplo, sexo: masculino ou feminino; nível de escolaridade: nível fundamental, médio ou superior; satisfação: baixa, média, alta e assim por diante. Dentro de cada classe dessas variáveis podemos ainda realizar mais uma separação, dividindo as variáveis quantitativas em quantitativa discreta ou quantitativa contínua. Uma variável quantitativa contínua é aquela que expressa uma medida como um valor real, por exemplo, peso e altura. Uma variável quantitativa discreta expressa o valor de uma contagem, por exemplo, idade, quantidade de televisores numa casa, quantidade de habitantes de uma cidade. Quanto às variáveis qualitativas podemos considerar a classe das variáveis qualitativas nominais e das variáveis qualitativas ordinais. A variável qualitativa ordinal é aquela que separa os indivíduos em classes com uma determinada ordem, por exemplo, nível de escolaridade: fundamental, médio e superior. Nitidamente, existe uma relação de ordem nessas classes. Quanto à variável qualitativa nominal, separa os indivíduos em classes, porém não é possível estabelecer uma ordem, por exemplo, sexo (masculino e feminino) e esporte praticado (futebol, basquete, ciclismo…).

Assuntos Relacionados