Carbetos

Os carbetos, compostos binários que apresentam o carbono como elemento mais eletronegativo, podem formar bases e compostos orgânicos quando reagem com água.

Carbetos
O gás metano pode ser originado da reação de um carbeto com água

Carbetos são substâncias inorgânicas binárias (formadas por apenas dois elementos), nas quais o carbono é o elemento químico mais eletronegativo, ou seja, é o ânion do composto que está acompanhado de um elemento de natureza metálica.

Na formação de um carbeto, são possíveis dois ânions diferentes para o carbono: o ânion acetileto (C2-2) e o ânion metaneto (C-4). Assim:

  • Se o metaneto estiver acompanhado de um cátion X de carga +2, a fórmula do carbeto será XC2.

  • Se o acetileto estiver acompanhado de um cátion Y de carga +3, a fórmula do carbeto será Y4C3.

Características dos carbetos

• Formados por ligação iônica;

• Quando formados por metais de alta energia de ionização, apresentam caráter molecular;

• Compostos de elevados pontos de fusão e ebulição;

• Sólidos à temperatura ambiente;

• Apresentam elevada resistência mecânica.

Nomenclatura dos carbetos

Como os carbetos podem apresentar ânions diferentes, a nomenclatura depende do ânion e do cátion presentes.

  • Nomenclatura dos acetiletos:

Acetileto + de + nome do elemento

Exemplo: CaC2 é o acetileto de cálcio.

  • Nomenclatura dos metanetos:

Metaneto + de + nome do elemento

Exemplo: Al4C3 é o metaneto de alumínio.

Reações químicas com carbetos

Os carbetos são substâncias que reagem com água, porém os produtos formados a partir dessas reações dependem do tipo de carbeto utilizado, como veremos a seguir.

  • Acetiletos

Quando um acetileto reage com água, ocorre a formação de uma base, que é formada pela interação do cátion (Y+) do acetileto com o ânion hidróxido da água (OH-), e o gás acetileno (C2H2), o qual resulta da interação entre o cátion hidrônio da água (H+) e o ânion acetileto do carbeto (C2-2).

YC2 + H2O → YOH + C2H2

Por exemplo, se o acetileto de magnésio (MgC2) reagir com a água:

MgC2 + H2O →

Haverá a formação do hidróxido de magnésio [Mg(OH)2], que é originado na interação do cátion magnésio (Mg+2) do acetileto com o ânion hidróxido da água (OH-), juntamente com o gás acetileno (C2H2). Observe a equação balanceada desse processo:

MgC2 +2 H2O → Mg(OH)2 + C2H2

  • Metanetos

Quando um metaneto reage com água, ocorre a formação de uma base, que é produto da interação do cátion (X+) do metaneto com o ânion hidróxido da água (OH-) e o gás metano (CH4), que, por sua vez, é resultado da interação entre o cátion hidrônio da água (H+) e o ânion metaneto do carbeto (C-4).

XC + H2O → YOH + CH4

Por exemplo, se o metaneto de índio (In4C3) reagir com a água:

In4C3 + H2O →

Há a formação do hidróxido de magnésio [In(OH)3], formado pela interação do cátion magnésio (In+3) do metaneto com o ânion hidróxido da água (OH-), juntamente com o gás metano (CH4). Veja a equação balanceada desse processo:

In4C3 +2 H2O → In(OH)3 + CH4

Assuntos Relacionados