Você está aqui Mundo Educação Química Físico-Química Equilíbrio Químico

Equilíbrio Químico

O Equilíbrio Químico é atingido quando uma reação reversível ocorre no sentido direto e no inverso, com a mesma velocidade, e as propriedades do sistema se estabilizam.

Equilíbrio Químico
No Equilíbrio Químico, a reação se processa com a mesma rapidez em dois sentidos

Várias reações químicas são consideradas reversíveis, ou seja, à medida que os produtos vão sendo formados a partir da reação entre os reagentes, os produtos reagem entre si e regeneram novamente os reagentes. Esse processo continua nos dois sentidos até que se atinja o equilíbrio químico, que é quando a taxa de desenvolvimento ou velocidade dos dois sentidos da reação (direto e inverso) torna-se igual.

Por exemplo, o sulfato de cobre penta-hidratado apresenta cor azul e podemos causar uma transformação química por aquecê-lo. Assim, ele perde sua água de hidratação e fica da cor branca. Mas essa reação é reversível, pois basta adicionar água ao sal desidratado que ele volta a ficar azul.

Existem muitas outras reações na natureza que são reversíveis  e podem atingir o equilíbrio químico. Macroscopicamente nós achamos que o sistema está parado, como se não houvesse mais reação. Porém, microscopicamente o equilíbrio é dinâmico, os reagentes estão constantemente se transformando nos produtos e os produtos, nos reagentes, com a mesma velocidade. Isso é simbolizado na equação química pela dupla seta (↔).

Nos textos desta seção você verá vários exemplos do equilíbrio químico no cotidiano e na natureza, verá como ele pode sofrer um deslocamento, quais os fatores que ocasionam isso, verá também aspectos quantitativos, tais como o que é a constante do equilíbrio, o que é um equilíbrio iônico e a sua constante, a constribuição de Ostwald para este estudo, a determinação do pH e do pOH, o que é o produto iônico da água, a hidrólise salina, o efeito do íon comum e o que são as soluções-tampão.

Artigos de "Equilíbrio Químico"