Você está aqui Mundo Educação Química Físico-Química Equilíbrio Químico Indicadores ácido-base naturais

Indicadores ácido-base naturais

Existem vários indicadores naturais usados para identificar as soluções ácidas e básicas, tais como as antocianinas presentes nas folhas do repolho roxo.

Indicadores ácido-base naturais
As folhas do repolho roxo contêm a antocianina, um indicador ácido-base natural

Conforme explicado no texto Indicadores ácido-base, um indicador ácido-base é uma substância que muda de cor quando colocada em contato com um ácido ou uma base. Geralmente, os indicadores usados em laboratório são artificiais, tais como a fenolftaleína, o azul-de-bromotimol e o alaranjado-de-metila.

Mas, na natureza, também existem muitas substâncias que podem ser extraídas de espécies vegetais e que funcionam como indicadores ácido-base. O mais conhecido é o extrato de repolho roxo, em que basta você bater uma folha desse vegetal com 1 litro de água no liquidificador, filtrar e, pronto, você tem um ótimo indicador natural. Se você usar menos água para a mesma quantidade de repolho, obterá um indicador mais concentrado e de coloração mais intensa. Além disso, é bom guardá-lo em geladeira ou no congelador, porque ele se decompõe muito rápido.

Em água (pH neutro = 7), ele tem coloração roxa, mas conforme a imagem abaixo mostra, ele muda de vermelho em solução ácida para púrpura e depois verde, quando em solução básica. No caso da solução ser fortemente ácida, ele torna-se amarelo:

Soluções contendo extrato de repolho roxo funcionando como indicadores de pH
Soluções contendo extrato de repolho roxo funcionando como indicadores de pH*

As substâncias presentes no extrato de repolho roxo que o fazem mudar de cor em ácidos e bases são as antocianinas. Esse indicador está presente na seiva de muitos vegetais, tais como uvas, jabuticabas, amoras, beterrabas, bem como em folhas vermelhas e flores de pétalas coloridas, como as flores de azaleia e quaresmeira.

As antocianinas são responsáveis pela coloração rosa, laranja, vermelha, violeta e azul da maioria das flores.

Um fator interessante é que a cor das pétalas de muitas flores pode variar de acordo com a acidez do solo. Um exemplo é a hortênsia, que, em solo ácido, produz flores azuis (quanto mais ácido, mais azul-escuro ficará), já em solos básicos, suas flores são cor-de-rosa. Você poderá se inteirar mais sobre isso lendo o texto Acidez do solo.

O tronco e as folhas de certas nogueiras também possuem outro tipo de substância que serve como indicador ácido-base natural, que é a esculina. Porém, para observar a atuação dessa substância como indicador, é preciso iluminar com uma luz ultravioleta.

Das raízes da planta Curcuma-longa (da família do gengibre) pode ser extraído outro tipo de indicador natural, a curcumina.

Até mesmo em insetos é possível encontrar indicadores, como ocorre no caso da cochilina, produzida por meio dos corpos secos das fêmeas dos insetos que são chamadas por esse mesmo nome. No entanto, isso não é indicado porque são necessários 70 000 insetos desses para preparar apenas meio quilo do indicador.

 

* Crédito da imagem: Autor: Supermartl / Retirada de: Wikimedia Comons

Assuntos Relacionados