Tipos de descrição

Você já deve saber que descrição é o estilo que usamos quando queremos transcrever o que vimos para o papel. Por isso, a apresentação dos aspectos visuais na redação descritiva é muito importante!

Existem dois tipos de descrição: a denotativa e a conotativa. Vejamos as características de cada uma:

Descrição denotativa: acontece quando a exposição da pessoa, objeto ou lugar é realizada de maneira objetiva, direta, sem uso de metáforas ou de linguagem figurada. As palavras surgem no seu sentido literal, do dicionário. Este tipo de descrição é comum em textos científicos, em livros didáticos, nas bulas de remédio ou manuais de instrução. É chamada também de objetiva.

Descrição conotativa: acontece quando as palavras são empregadas no seu sentido simbólico, figurado. A pessoa, objeto ou lugar não é descrito de forma como é na realidade, mas em uma pseudorrealidade. O uso da imaginação é evidenciado! É conhecida também como subjetiva.

Contudo, há descrições que são denotativas e conotativas: basta o autor fazer referência tanto aos aspectos físicos quanto aos psicológicos.

Lembre-se que, independente do tipo de descrição, quanto mais o leitor se sentir parte do ambiente apresentado, mais qualificado seu texto descritivo é.

Veja mais!

Descrição - Saiba mais sobre este tipo de texto, suas características e objetivos!

Assuntos Relacionados

Comentários