Você está aqui Mundo Educação Sexualidade Abuso Sexual

Abuso Sexual

Abuso Sexual
O abuso sexual é quando ocorre o ato sexual entre pessoas sem que haja consentimento de uma das partes envolvidas

É quando ocorre o ato sexual ou caricias, entre pessoas de sexo diferente, ou de mesmo sexo, sem que haja consentimento de uma das partes envolvidas ou em troca de favores. Chamamos de agente abusador aquele que já possui experiência e, visa obter sua satisfação sexual.

O abuso sexual ocorre geralmente com crianças e adolescentes, através de ameaças, violência física e, até através de convencimento. São diversas as artimanhas utilizadas pelos abusadores, alguns chegam a “pagar” crianças e adolescentes com balinha ou dinheiro para que em troca possam manter relações sexuais com a mesma.

As formas de abuso sexual são várias, o que irá variar é o que o agente abusador tem em mente como, por exemplo, apenas tocar em certas partes do corpo, fazer certas carícias, beijar, fazer sexo anal, sexo vaginal, ou apenas observar a pessoa se trocando de roupa ou tomando banho, e até mesmo praticar o que chamamos de exibicionismo, onde a pessoa expõe seus órgãos a suas vítimas. A maioria dos abusadores são pessoas de convívio familiar, pais, irmãos, tios, padrastos, padrinhos, entre outros.

O abuso sexual resulta em uma série de problemas físicos e psicológicos nas vítimas como, por exemplo, aversão a parceiros do mesmo sexo que o abusador, sexualidade descontrolada, torna-se uma pessoa insegura, deprimida, descontrolada, entre outros. Em muitos casos, as mães têm consciência de que seu (sua) filho (a) está sofrendo de abuso sexual, mas simplesmente fingem não ver. As crianças por terem medo do abusador não falam que sofreram abuso sexual, resultando em impunidade e, em alguns casos, o abuso continua.

Assuntos Relacionados