Artérias

Artérias são vasos sanguíneos que garantem o transporte do sangue do coração para os diferentes tecidos do corpo, permitindo, desse modo, que ocorra o fornecimento de oxigênio e nutrientes para todas as células. Esses vasos são bastante resistentes e possuem algumas características que permitem diferenciá-los dos demais vasos sanguíneos.

Leia também: Veias

Características das artérias

As artérias apresentam paredes bastante resistentes e espessas. Essa característica é importante, pois o sangue que corre nas artérias está sob forte pressão. Assim como nas veias, as artérias são compostas por três camadas: túnica íntima, túnica média e túnica adventícia.

 As artérias garantem que todo o corpo receba sangue rico em oxigênio.
As artérias garantem que todo o corpo receba sangue rico em oxigênio.

Veja a seguir algumas características dessas camadas:

  • Túnica íntima: é a camada mais interna dos vasos sanguíneos. É formada por uma camada de células endoteliais que se apoia em uma camada de tecido conjuntivo frouxo (camada subendotelial). Separando a túnica íntima da média, há uma lâmina elástica interna, a qual apresenta elastina.

  • Túnica média: destaca-se por ser rica em células musculares lisas. Entre essas células, existe uma matriz que contém, entre outros componentes, fibras e glicoproteínas. Pode-se observar entre a túnica média e a túnica adventícia a presença de uma lâmina elástica externa em artérias de calibre menor. Nas artérias de calibre maior, a túnica média apresenta-se bem espessa.

  • Túnica adventícia: é a camada mais externa dos vasos sanguíneos e apresenta como principais componentes o colágeno e as fibras elásticas.

 Observe atentamente as principais partes de uma artéria.
Observe atentamente as principais partes de uma artéria.

Classificação das artérias

As artérias que partem do coração apresentam um grande calibre e, à medida que se distanciam e se ramificam, ocorre uma redução no seu diâmetro. De acordo com o diâmetro, pode-se classificar as artérias em:

  • Grandes artérias elásticas: são aquelas que apresentam maior calibre. Possuem uma túnica média contendo uma série de lâminas elásticas, sendo possível observar entre essas lâminas células musculares lisas, colágeno e glicoproteínas. A presença das lâminas elásticas nessas artérias é fundamental para garantir que grandes variações de pressão arterial não ocorram. Nas grandes artérias, a adventícia aparece como uma fina camada. São exemplos de grandes artérias elásticas a aorta e seus grandes ramos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

  • Artérias de diâmetro médio ou artérias musculares: apresentam a túnica média formada basicamente por células musculares lisas, com poucas fibras elásticas. Essas artérias controlam o fluxo de sangue para diferentes órgãos por meio da contração e relaxamento das células musculares nelas presentes. A túnica adventícia é mais espessa que a apresentada nas grandes artérias.

  • Arteríolas: destacam-se por seu pequeno diâmetro, o qual é, geralmente, inferior a 0,5 mm. Não se observa a presença de lâmina elástica interna nas arteríolas pequenas, e a túnica média é pouco desenvolvida.

Outra forma de classificação das artérias é de acordo com a posição que ocupam no corpo. Elas podem ser superficiais ou profundas. A maior parte das artérias são profundas e estão acompanhadas por uma ou duas veias, que são chamadas de veias satélites. As artérias superficiais apresentam menor calibre e, de maneira geral, são originadas de artérias musculares.

Principais artérias do corpo

As carótidas garantem o suprimento de sangue para o cérebro, e a formação de placas de ateroma (placas de gordura e outras substâncias) pode desencadear o acidente vascular cerebral.
As carótidas garantem o suprimento de sangue para o cérebro, e a formação de placas de ateroma (placas de gordura e outras substâncias) pode desencadear o acidente vascular cerebral.

Veja a seguir algumas das principais artérias do corpo humano:

  • Artéria aorta: é a maior artéria do nosso corpo. Essa artéria parte do coração, mais precisamente do ventrículo esquerdo, e ramifica-se em várias outras artérias.

  • Artéria pulmonar: parte do coração em direção ao pulmão e bifurca-se em artéria pulmonar direita e artéria pulmonar esquerda.

  • Artérias femorais: são prolongamentos da artéria aorta, havendo uma artéria femoral em cada perna. Além disso, são as principais responsáveis pela chegada de sangue oxigenado para os membros inferiores.

  • Artérias renais: cada rim recebe sangue por meio de uma artéria renal.

  • Artérias carótidas: artérias, localizadas em cada lado do pescoço, que se estendem da aorta e garantem que o sangue chegue até o cérebro.

Pressão arterial

A pressão sanguínea é aquela exercida pelo sangue na parede dos vasos sanguíneos. A pressão arterial nada mais é que a pressão que o sangue faz na parede das artérias. No momento da sístole (período de contração do coração), a pressão arterial é maior, enquanto na diástole (período de relaxamento do coração), o que se observa é uma menor pressão.

Normalmente a pressão sanguínea de uma pessoa é expressa em uma fração, como 120/80. O número 120 refere-se à pressão sistólica e a unidade de medida é mmHg, ou seja, 120 milímetros de mercúrio. O 80 corresponde à pressão diastólica. De maneira geral, um indivíduo saudável apresenta uma pressão sistólica entre 100 mmHg e 120 mmHg e uma pressão diastólica entre 60 mmHg e 80 mmHg.

Você sabia que o excesso de sal na alimentação está relacionado com o aumento da pressão arterial? Entenda mais sobre o assunto no texto: Riscos do excesso de sal na alimentação.

A pressão sanguínea é expressa por dois números, sendo o primeiro relacionado à pressão sistólica, e o segundo, à pressão diastólica.
A pressão sanguínea é expressa por dois números, sendo o primeiro relacionado à pressão sistólica, e o segundo, à pressão diastólica.

Diferença entre artéria e veia

Veias e artérias são vasos sanguíneos que apresentam algumas diferenças. A primeira delas diz respeito à direção do transporte do sangue. Nas veias, o sangue segue dos tecidos do corpo em direção ao coração; nas artérias, o sangue flui do coração para as diferentes partes do corpo.

Leia também: Diferenças entre artérias, veias e capilares

A estrutura dos dois vasos sanguíneos também merece destaque. As artérias são vasos sanguíneos que apresentam paredes resistentes e espessas, sendo essa uma característica fundamental para o transporte de sangue em alta pressão. Nas veias, por sua vez, o sangue é transportado em uma pressão menor, desse modo, suas paredes apresentam-se menos espessas. Além disso, nas veias, observa-se a presença de válvulas, ausentes em artérias, que evitam o refluxo do sangue.

Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto

Assuntos Relacionados