Berinjela

A berinjela se adapta bem em climas mais quentes
A berinjela se adapta bem em climas mais quentes
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Solanales
Família: Solanaceae
Gênero: Solanum
Espécie: Solanum melogena

A berinjela pertence ao mesmo grupo do pimentão, jiló, tomate e batata; é uma planta arbustiva originária da Índia. O período de safra estende-se entre janeiro e maio, se adaptando bem em climas quentes (temperatura média diurna de 25-350C e noturna de 20-270C) e úmidos (aproximadamente 80% de umidade relativa do ar).

Seu fruto, esbranquiçado e com pequenas sementes, de cor externa preta e formato alongado, é um alimento pouco calórico (100 gramas correspondem a 25 calorias). Além disso, tem capacidade de reduzir o colesterol. Isto porque possui um pigmento denominado antociania, responsável pela coloração escura e capaz de reduzir a oxidação do LDL, prevenindo, também, alguns tipos de câncer e infecções do trato urinário.
Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Protege a pele e auxilia os processos do sistema nervoso e digestório graças à vitamina B5 e suas fibras; auxilia na coagulação sanguínea, formação dos ossos e dentes e construção muscular, em razão da presença dos sais minerais: cálcio, ferro, fósforo e vitamina C. Seu suco é utilizado em inflamações da pele, diabetes, reumatismo, gota e artrite. É rico em betacaroteno, pigmento que previne o envelhecimento, melhora a visão noturna e reforça o sistema imunológico.

É um alimento bastante apreciado em todo o mundo, inclusive entre os vegetarianos, por ser rico em proteínas e consistência. Pode ser consumido de diversas formas: cozido, assado, frito, grelhado, em conserva, recheado e refogado.

Por Mariana Araguaia
Graduada em Biologia

Assuntos Relacionados