Células

As células são as menores unidades estruturais e funcionais dos seres vivos. Com exceção dos vírus, todos os organismos vivos possuem células. Vamos conhecer a seguir os principais tipos de células, suas partes básicas e as estruturas nelas encontradas.

Leia também: Os vírus são seres vivos?

Classificação das células

As células podem ser classificadas de diferentes maneiras, sendo uma dessas a divisão em dois grandes grupos: procariontes e eucariontes.

  • Células procariontes: destacam-se por não apresentarem material genético envolto por uma membrana nuclear, ou seja, por não apresentarem núcleo definido. Essas células também não apresentam organelas celulares membranosas, tais como complexo golgiense e retículo endoplasmático. Como exemplo de células procariontes, podemos citar as bactérias e cianobactérias.

  • Células eucariontes: destacam-se por possuírem material genético envolto pela membrana nuclear, ou seja, essas células apresentam um núcleo verdadeiro. Nelas é observada a presença de organelas membranosas. Essas células podem ser encontradas nos protozoários, nos fungos, nos animais e nas plantas, por exemplo.

Veja algumas diferenças observadas entre células procariontes e eucariontes.
Veja algumas diferenças observadas entre células procariontes e eucariontes.

Acesse também: Células-tronco – capacidade de diferenciação e autorrenovação

Partes das células

É costume dizer que as partes básicas de uma célula são: membrana plasmática, citoplasma e núcleo. Entretanto, como sabemos, nem todas as células apresentam um material genético delimitado por membrana, sendo muitas vezes observada a presença do material genético disperso no citoplasma. Desse modo, o mais correto a dizer é que todas as células apresentam membrana plasmática, citoplasma e material genético, o qual pode estar ou não envolto por membrana formando um núcleo.

  • Membrana plasmática: é um envoltório que delimita a célula. Ela consiste em uma bicamada de fosfolipídeos na qual estão inseridas proteínas. A membrana é uma estrutura importante da célula, estando relacionada, entre outras funções, com a seleção do que entra e do que sai da célula, funcionando como uma barreira seletiva. Em algumas células, externamente à membrana plasmática, observa-se a presença de uma parede celular. Essa parte pode ser observada, por exemplo, em bactérias e células vegetais. Entretanto, a composição dessas paredes celulares é bastante diferenciada em cada um desses organismos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

  • Citoplasma: é a região delimitada pela membrana plasmática. Nas células eucariontes, o citoplasma está localizado entre a membrana e o núcleo celular. O citoplasma é formado por uma matriz gelatinosa, denominada citosol. É no citosol que estão imersas as organelas celulares, como mitocôndrias, complexo golgiense, retículo endoplasmático e outras. Vale salientar ainda que no citoplasma de todas as células são encontrados ribossomos, que são minúsculos complexos capazes de realizar a síntese de proteínas.

Uma célula eucarionte com suas principais partes: membrana plasmática, citoplasma e material genético contido no núcleo.
Uma célula eucarionte com suas principais partes: membrana plasmática, citoplasma e material genético contido no núcleo.
  • Material genético: Tanto as células procariontes quanto as eucariontes possuem cromossomos, que são estruturas formadas por DNA e que carregam a informação genética do indivíduo. Nas células eucariontes, o envelope nuclear está presente e caracteriza-se por ser uma dupla membrana cheia de poros. Esse envelope delimita o núcleo, que é o local onde se encontram vários cromossomos lineares. Na célula procarionte, por sua vez, não é observado núcleo definido e verifica-se a presença de, normalmente, um cromossomo circular localizado em uma região específica denominada nucleoide.

Saiba mais: Hereditariedade – transmissão de informações genéticas e fenotípicas

Organelas celulares

As organelas celulares são estruturas que realizam atividades importantes para o funcionamento adequado das células atuando como pequenos órgãos. Veja algumas organelas celulares e suas respectivas funções.

Organelas celulares

Organela

Função

Mitocôndria

Sítio da respiração celular.

Complexo golgiense

Secreção de substâncias; modificação, armazenamento e distribuição de substâncias produzidas no retículo endoplasmático.

Retículo endoplasmático agranular ou liso

Relacionado com diversos processos, tais como metabolismo de carboidratos, síntese de lipídios e desintoxicação.

Retículo endoplasmático granuloso ou rugoso

Relacionado com processos como síntese de proteínas e adição de carboidratos a glicoproteínas.

Lisossomos

Relacionado com a digestão intracelular.

Vacúolos

Existem diferentes tipos de vacúolos, portanto, diferentes funções. Os vacúolos alimentares formam-se após um processo de endocitose e participam da digestão intracelular. Vacúolos contráteis (presentes em alguns eucariontes unicelulares de ambientes aquáticos) ajudam a bombear o excesso de água para fora da célula. Vacúolo central ou vacúolo de suco celular (presente em plantas) participa da manutenção do pH, digestão de componentes celulares e do armazenamento de substâncias.

Cloroplasto (célula vegetal)

Local onde ocorre a fotossíntese.

Peroxissomos

Oxidam substratos orgânicos. Essas organelas retiram átomos de hidrogênio e combina-os com oxigênio molecular, produzindo peróxido de hidrogênio, daí o nome da organela. Por ser tóxico para a célula, o peróxido é rapidamente eliminado.

Ribossomos (Devido à ausência de membranas, alguns autores não consideram os ribossomos organelas, outros, no entanto, consideram-nos organelas não membranosas)

Participam da síntese de proteínas.


Amplie seus conhecimentos a respeito das organelas lendo nosso texto sobre o tema: Organelas celulares.

Classificação dos organismos de acordo com o número de células

De acordo com o número de células que formam o corpo de um organismo, podemos classificá-lo em: unicelular ou multicelular.

  • Organismos unicelulares: são aqueles que apresentam o corpo formado por uma única célula. Como exemplo podemos citar as bactérias e os protozoários, como a ameba e o Paramecium.

O Paramecium é um organismo unicelular, ou seja, formado por uma única célula.
O Paramecium é um organismo unicelular, ou seja, formado por uma única célula.
  • Organismos multicelulares: são aqueles que apresentam corpo formado por várias células. Nesses organismos as células podem estar agrupadas em tecidos. Os animais e plantas são seres vivos multicelulares.

Resumo sobre células

  • Células são as unidades estruturais e funcionais dos seres vivos.

  • Com exceção dos vírus, todos os seres vivos apresentam células. Devido à ausência dessas estruturas, muitos autores não consideram os vírus seres vivos.

  • Células podem ser classificadas em procariontes e eucariontes.

  • Células procariontes apresentam material genético disperso no citoplasma.

  • Células eucariontes possuem um núcleo definido, delimitado pelo envelope nuclear.

  • Células apresentam membrana plasmática, citoplasma e material genético, o qual pode estar ou não no núcleo.

  • A membrana plasmática da célula é responsável por controlar o que entra e o que sai, funcionando como uma barreira seletiva.

  • O citoplasma é formado por uma matriz gelatinosa, chamada citosol, em que várias estruturas estão imersas. Mitocôndrias, cloroplastos, complexo golgiense, retículo endoplasmático e lisossomos são exemplos de organelas celulares encontradas no citoplasma de células eucariontes.

  • De acordo com o número de células, os organismos podem ser unicelulares ou multicelulares. São chamados de organismos unicelulares aqueles que apresentam apenas uma célula, enquanto os multicelulares apresentam corpo rico em células.

Veja também: As premissas da teoria celular

Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos

Artigos de "Células"