Homeostase

Homeostase é um termo criado por Walter Cannon e é usado para indicar o estado de equilíbrio do meio interno, conseguido graças a processos fisiológicos.

Homeostase é um termo criado por Walter Cannon, utilizado para indicar um estado de equilíbrio do meio interno, independente das alterações que acontecem no meio externo. O meio interno pode ser definido como o líquido que circula nas nossas células (líquido intersticial).

O termo homeostase foi criado por Walter Cannon
O termo homeostase foi criado por Walter Cannon


Como manter o meio interno constante?

Para garantir que a homeostase seja conseguida, vários processos fisiológicos devem ocorrer de maneira organizada. O funcionamento dos sistemas cardiovascular, respiratório e excretor, por exemplo, garante que nutrientes cheguem às células e que substâncias excessivas e tóxicas sejam retiradas do nosso corpo, fazendo que o organismo permaneça em harmonia. Essa harmonia garante que o meio interno seja constante e que as células funcionem de maneira adequada.

Podemos dizer, então, que fatores externos podem influenciar o ambiente interno, porém nosso corpo apresenta mecanismos que tentam reverter essas alterações. Os nossos sistemas, portanto, são responsáveis por garantir que nossa temperatura, pH dos líquidos corporais, pressão arterial e frequência cardíaca, por exemplo, mantenham-se dentro dos valores ditos normais. Dentre os sistemas presentes em nosso corpo, os sistemas nervoso e endócrino merecem destaque por garantirem, respectivamente, trânsito de informações e secreção de mensageiros químicos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)


Mecanismo de feedback

O principal mecanismo de manutenção da homeostase é o feedback negativo, que atua na redução de um determinado estímulo, garantindo que uma determinada variável permaneça no nível adequado para o nosso corpo.

Leia mais sobre: Mecanismo de feedback

Como exemplo desse mecanismo podemos citar o controle da temperatura do nosso corpo. Se começamos a fazer atividade física, a temperatura corporal tende a subir. Entretanto, um aumento da temperatura normal faz com que o sistema nervoso perceba essa alteração e desencadeie a liberação de suor, que esfria nosso corpo à medida que evapora.

O suor evita o aumento exagerado da temperatura corporal
O suor evita o aumento exagerado da temperatura corporal

Outro exemplo de mecanismo de feedback negativo está relacionado com nossa respiração. Se os níveis de gás carbônico em nosso sangue aumentam, nosso corpo envia um sinal para a região do encéfalo responsável pela respiração, estimulando-a. A respiração torna-se mais rápida, garantindo a oxigenação e desencadeando a redução do gás carbônico.

A pressão arterial deve manter-se em níveis adequados para se garantir a homeostase
A pressão arterial deve manter-se em níveis adequados para se garantir a homeostase
Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas

Assuntos Relacionados