Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Biologia
  3. Bioquímica
  4. Importância do cálcio

Importância do cálcio

“A importância do cálcio para o organismo é indiscutível, uma vez que ele atua na formação de ossos e dentes, regula a coagulação e participa de funções neuromusculares.”

O cálcio é um nutriente importante para o funcionamento do corpo, além de ser o mineral em maior quantidade no organismo. Estima-se que 1% a 2% do peso corpóreo de um adulto esteja na forma de cálcio. Além disso, 99% do cálcio presente no corpo está localizado nos ossos e dentes.

Importância de cálcio para o organismo

O cálcio possui as mais variadas funções, sendo a principal a formação de ossos e dentes. Uma dieta com quantidades de cálcio adequadas é fundamental para a manutenção da massa óssea, garantindo, assim, a integridade do esqueleto.

O cálcio também tem participação nas funções neuromusculares. Nas fibras musculares, por exemplo, o influxo de cálcio para o interior da célula promove reações que desencadeiam a contração muscular.

Além disso, o cálcio atua: como mensageiro no interior das células; ao se ligar com proteínas e fosfolipídios, promove a permeabilidade da membrana; e, em algumas células, como as presentes nas adrenais, é responsável pela secreção de hormônios.

Outro papel importante do cálcio diz respeito à coagulação, uma vez que é responsável pela ativação de fatores que possibilitam esse processo. A pressão arterial também apresenta relação com a quantidade de cálcio ingerida. Pesquisas indicam que uma alimentação com níveis de cálcio adequados previne e ajuda no tratamento da hipertensão arterial.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Além da pressão arterial, estudos relacionam o cálcio com a obesidade. Acredita-se que o aumento da ingestão desse importante nutriente leva à diminuição da massa gorda.

Recomendações diárias

A Organização Mundial de Saúde recomenda que um adulto deve ingerir, em média, 1000 mg de cálcio diariamente. Vale destacar que as recomendações variam com a idade e também levam em consideração se uma mulher está ou não grávida. De maneira geral, não há diferenças de um sexo para outro, e a recomendação é maior para as fases de crescimento e para idosos.

Fontes de cálcio

As principais fontes de cálcio são, sem dúvidas, os leites e derivados, mas alguns peixes e vegetais também podem fornecer esse nutriente. Se ingerido dentro das recomendações, esse mineral evita doenças como a osteoporose, obesidade, câncer de cólon e até mesmo hipertensão arterial.

Veja abaixo alguns alimentos e a quantidade de cálcio encontrada segundo a Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TACO):

Laranja-lima (180g) – 56 mg de cálcio.

Leite integral ( 1 copo) – 295 mg de cálcio.

Mamão formosa (170g) – 42 mg de cálcio.

Pão de queijo (2 unidades médias) – 41 mg de cálcio.

Pescada frita (120g) – 454 mg de cálcio.

Queijo fresco (56 g) – 324 mg de cálcio

Sardinha assada (50g) – 219 mg de cálcio.

Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos
Os derivados do leite são os principais fornecedores de cálcio
Os derivados do leite são os principais fornecedores de cálcio
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto

Assuntos Relacionados