Ingá

“Ingá é o fruto da ingazeira, comum em regiões próximas a lagos e rios. É na Floresta Amazônica que se encontra a maior diversidade de espécies desse fruto.”

Ingá é o fruto da ingazeira, planta da família das leguminosas e muito comum em regiões próximas a lagos e rios. Suas sementes, envolvidas por uma sarcotesta branca, fibrosa e adocicada, são revestidas por uma vagem verde e grande, que pode chegar a medir 1 m de comprimento. A palavra “ingá” é de origem indígena e significa “embebido, ensopado”, uma referência à sua polpa aquosa.

As ingazeiras podem atingir 15 metros de altura e são muito usadas no sombreamento dos cafezais. Com flores de coloração branco-esverdeada, a ingazeira frutifica praticamente em todo o ano.

Existem mais de 300 espécies do fruto, as quais se diferenciam em relação ao tamanho e tipo dos nectários foliares. É na Floresta Amazônica que se encontra a maior diversidade de espécies do ingá. Além de ser encontrado no Brasil, o ingá também se desenvolve em outras regiões de clima neotropical, como México, Antilhas Maiores e Menores e outros países da América do Sul, como Venezuela, Colômbia, Equador, Peru, entre outros.

Embora o ingá tenha propriedades nutritivas e um sabor agradável, na região Amazônica o fruto é consumido mais por distração do que por apreciação. De qualquer forma, o ingá é rico em sais minerais, essenciais para o bom funcionamento do organismo. Sua casca é usada na cicatrização de feridas e o xarope do fruto também é utilizado no tratamento da bronquite.

O fruto é consumido unicamente in natura, visto que o mesmo não se presta a preparações culinárias. As vagens de ingá podem ser encontradas facilmente em mercados das cidades da região Norte do Brasil.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
Publicado por: Tiago Dantas
Ingá
Ingá

Assuntos Relacionados