Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Biologia
  3. Histologia Animal
  4. Tecido Conjuntivo

Tecido Conjuntivo

O tecido conjuntivo apresenta variados tipos celulares, que são separados por uma matriz extracelular composta de fibras e substância fundamental.

O tecido cartilaginoso é um tipo de tecido conjuntivo
O tecido cartilaginoso é um tipo de tecido conjuntivo

No corpo humano, há quatro grupos básicos de tecidos: tecido epitelial, tecido conjuntivo, tecido muscular e tecido nervoso. Neste texto falaremos sobre o tecido conjuntivo, responsável pelo suporte do corpo.

Características gerais do tecido conjuntivo

O tecido conjuntivo origina-se de um tecido embrionário denominado de mesênquima e possui vários tipos celulares, que estão separados uns dos outros por uma matriz extracelular de quantidade variável. Essa matriz é composta por proteínas fibrosas e uma substância viscosa, denominada de substância fundamental, que é formada basicamente por glicosaminoglicanas e proteoglicanas.

O tecido conjuntivo, de modo geral, apresenta três componentes básicos: células, fibras e substância fundamental. As células desse tecido são variadas e podem pertencer a dois grupos principais: células residentes e células transientes. As células residentes são aquelas que estão permanentemente em um tecido conjuntivo, e as transientes são aquelas que migram pelos tecidos conjuntivos do corpo.

Classificação dos tecidos conjuntivos

Os tecidos conjuntivos podem ser classificados de diversas formas. Veja na ilustração a seguir a classificação dos principais tipos:

Observe que os tecidos conjuntivos podem ser classificados em dois grupos principais
Observe que os tecidos conjuntivos podem ser classificados em dois grupos principais

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O tecido conjuntivo propriamente dito está espalhado amplamente pelo nosso organismo. Ele pode ser dividido em frouxo e denso. O frouxo apresenta fibras que não estão firmemente arranjadas, e o denso possui grande quantidade de fibras intimamente entrelaçadas. O tecido conjuntivo denso pode ser ainda classificado em modelado e não modelado. Enquanto o não modelado apresenta fibras dispostas de maneira desordenada, no modelado as fibras estão orientadas de forma paralela.

Os tecidos conjuntivos especiais apresentam células e funções bastante distintas. Entre os principais tipos, podemos citar o tecido adiposo, que possui células que armazenam substâncias lipídicas; o tecido cartilaginoso, que forma nossas cartilagens, tais como aquelas encontradas no nosso nariz e orelha; o tecido ósseo, que forma os ossos do nosso esqueleto; e o tecido hematopoiético, que atua na formação das células sanguíneas. Alguns autores consideram ainda o sangue como um tipo especial de tecido conjuntivo em que a matriz está presente no estado líquido.

Funções do tecido conjuntivo

Entre as principais funções desse tecido no nosso corpo, podemos citar:

  • Sustentação de tecidos e órgãos;

  • Preenchimento de espaço entre os tecidos;

  • Nutrição dos tecidos epiteliais;

  • Proteção de órgãos internos;

  • Reserva energética (células adiposas);

  • Defesa contra organismos patogênicos;

  • Produção de células sanguíneas.

Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas

Assuntos Relacionados