Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Biologia
  3. Botânica
  4. Tipos de frutos

Tipos de frutos

Existem diferentes tipos de frutos, os quais podem ser classificados, de uma maneira básica, em: simples, agregados e múltiplos.

Os frutos podem ser definidos de maneira bastante simplificada como o ovário maduro. Eles se originam após a fecundação ou ainda sem que ocorra esse processo, sendo esse último caso conhecido como partenocarpia (frutos partenocárpicos).

De uma maneira geral, os frutos podem ser classificados em três tipos básicos:

  • Simples: Os frutos simples são aqueles formados por um único carpelo ou carpelos fusionados de uma mesma flor. Exemplo: Abacate, tomate, cereja.

  • Agregados: Os frutos agregados são aqueles formados pelo desenvolvimento de vários carpelos de uma mesma flor. Exemplo: Framboesa, morango.

  • Múltiplos: Os frutos múltiplos são aqueles formados pelos gineceus de várias flores (inflorescência). Exemplo: Amora, abacaxi.

Vale frisar que, quando um fruto apresenta tecido acessório (tecido não carpelar), ele é denominado de fruto acessório ou pseudofruto. A maçã e a pera, por exemplo, apresentam alto grau de desenvolvimento do tubo floral, de modo que a parte carnosa é basicamente derivada dessa estrutura. Percebe-se, portanto, que a maçã e a pera são frutos acessórios.

A pera é um exemplo de fruto acessório
A pera é um exemplo de fruto acessório

Frutos simples

Os frutos simples constituem o grupo mais diverso de frutos. De uma maneira geral, podem ser classificados em dois tipos básicos (carnosos e secos), os quais apresentam subtipos:

  • Carnosos: são aqueles que apresentam pericarpo (parede do ovário maduro) suculento. Um fruto carnoso pode ser classificado em três tipos principais:

⇒ Baga: São frutos que apresentam de uma a muitas sementes e apresentam endocarpo e mesocarpo carnosos. O exocarpo pode ser fino ou resistente a depender da espécie. Exemplo: Laranja, uva.

⇒ Drupa: São frutos que apresentam caroço e, na maioria das vezes, apenas uma semente. Diferentemente da baga, apenas o mesocarpo é carnoso. O endocarpo é pétreo e envolve a semente, e o exocarpo é geralmente fino. Exemplo: Azeitona, pêssego, coco.

O coco é um exemplo de fruto do tipo drupa, que apresenta mesocarpo fibroso
O coco é um exemplo de fruto do tipo drupa, que apresenta mesocarpo fibroso

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

⇒ Pomo: São frutos que apresentam a parte carnosa derivada principalmente de tecido não carpelar (fruto acessório), e seu endocarpo apresenta consistência cartilaginosa. Exemplo: Maçã, pera.

  • Secos: Os frutos secos são aqueles que apresentam pericarpo pouco desenvolvido e com pouca água. Frutos secos podem ser classificados de diversas formas, havendo duas formas principais (deiscentes e indeiscentes), as quais apresentam subtipos:

⇒ Deiscentes: Esses frutos, quando maduros, abrem-se de modo a expor a semente. Esses frutos podem ser classificados ainda em:

- Folículo: Fruto abre-se de um lado quando maduro. Exemplo: Chichá.

- Legume: Fruto abre-se dos dois lados quando maduro. Exemplo: Feijão.

A ervilha é um exemplo de fruto do tipo legume
A ervilha é um exemplo de fruto do tipo legume

- Síliqua: Fruto abre-se dos dois lados, mas as sementes permanecem conectadas a uma porção central. Exemplo: Ipê.

- Cápsula: Fruto formado por um ovário com mais de um carpelo que libera suas sementes de diversas formas, como longitudinalmente, por meio de furos ou por uma tampa. Exemplo: Papoula.

⇒ Indeiscentes: Frutos que não se abrem na maturidade para a liberação das sementes. São tipos de frutos indeiscentes:

- Aquênio: Fruto que apresenta uma única semente que permanece ligada apenas por um ponto. Exemplo: Girassol.

- Sâmara: Fruto alado que apresenta expansões que lembram uma asa. Exemplo: Tipuana.

- Cipsela: Fruto típico das Asteraceae e semelhante ao aquênio, mas com a presença de papus (modificação do cálice). Exemplo: Dente-de-leão.

O dente-de-leão é um exemplo de fruto do tipo cipsela
O dente-de-leão é um exemplo de fruto do tipo cipsela

- Cariopse: O revestimento da semente fica firmemente conectado ao pericarpo. Exemplo: milho.

- Nozes: Frutos que se destacam pelo seu pericarpo duro. Exemplo: Noz-moscada.

- Esquizocarpo: Fruto que se decompõe em mericarpos (porção contendo uma semente) na maturidade. Exemplo: mamona.

Os frutos podem ser definidos como o ovário maduro
Os frutos podem ser definidos como o ovário maduro
Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas

Assuntos Relacionados