Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Curiosidades
  3. Dinheiro Sujo

Dinheiro Sujo

Dinheiro Sujo
Em cada cédula são encontrados vários microorganismos nocivos para a saúde.
Aprendido desde a infância, o velho hábito de lavar as mãos depois de manusear o dinheiro é algo fundamental para nossa saúde. Uma pesquisa inédita no Brasil revelou a grande quantidade de bactérias e fungos presentes nas cédulas de dinheiro. Uma equipe de cientistas brasileiros calculou a quantidade de microorganismos presentes nas cédulas brasileiras por cm². O resultado foi óbvio: o nosso dinheiro é muito sujo.

Para se ter uma idéia, a média nas notas de R$ 1 foi de 50 microorganismos por centímetro quadrado. Essas são, justamente, as cédulas mais sujas devido ao fato de serem as mais manuseadas.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Nem todas as bactérias presentes no dinheiro são nocivas para nossa saúde, algumas delas são encontradas no próprio intestino grosso do homem. No entanto, grande parte desses microorganismos pode causar problemas de saúde, como a Staphilococcus aureus, espécie mais encontrada e que pode causar séria intoxicação alimentar.

Segundo especialistas, para retirar todos os microorganismos presentes nas mãos, é recomendável lavá-las durante 1 minuto, embora isso não seja alto tão prático. Além disso, também é aconselhável optar por notas de plástico, que possuem uma contaminação menor, e evitar que as notas caiam no chão.

Assuntos Relacionados