Disidrose

A disidrose é um problema de pele caracterizado pelo surgimento de vesículas isoladas ou agrupadas nas mãos e pés.

A disidrose é uma dermatose, ou seja, uma doença de pele, que causa lesões vesiculares nas extremidades dos membros superiores e inferiores. Ocorre, principalmente, em pessoas com idade entre 20 e 40 anos de ambos os sexos e atinge, na maioria dos casos, pessoas brancas.

Causas da disidrose

A disidrose ainda não possui causas completamente estabelecidas, estando relacionada com múltiplos fatores. Entre esses fatores, podemos citar infecções fúngicas, medicamentos como a penicilina, dermatite de contato, dermatite atópica, alterações emocionais e até mesmo estresse.

De acordo com suas causas, podemos classificar a disidrose em dois grupos: disidrose idiopática e erupções disidrosiformes. A disidrose idiopática é aquela em que não conhecemos os agentes causadores. Já as erupções disidrosiformes são aquelas em que é possível determinar uma causa.

Aspectos clínicos da disidrose

A disidrose caracteriza-se pelo surgimento nas mãos e pés de vesículas, ou seja, lesões com conteúdo líquido, que medem até um centímetro de diâmetro. Essas lesões podem ser isoladas ou aglomeradas e formam bolhas. O líquido interno pode ser incolor ou se tornar purulento. Normalmente, em três semanas, o líquido das vesículas resseca, há a formação de crostas e, depois, o seu desaparecimento.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

As lesões da disidrose podem provocar desconfortos diversos, tais como coceira e ardor, que causam fissuras na pele. As vesículas também pode tornar-se dolorosas à medida que seu volume aumenta. Vale destacar ainda que, em alguns pacientes, não há prurido, ardor e dor, sendo o paciente, nesse caso, assintomático.

Tratamento da desidrose

O tratamento da disidrose depende da causa, portanto, é necessário um diagnóstico preciso. Muitos pesquisadores destacam ainda que, mesmo conhecendo a causa, o tratamento pode ser difícil, como é o caso da disidrose desencadeada por problemas emocionais.

Normalmente, recomenda-se como medida geral a lavagem cuidadosa das mãos e o uso de hidratantes. Além disso, o contato com substâncias irritantes, tais como produtos de limpeza, deve ser evitado. O tratamento medicamentoso normalmente envolve o uso de corticosteroides.

Curiosidade: Apesar do nome disidrose, esse problema de saúde não representa fielmente o seu significado, uma vez que não é causado por disfunções das glândulas sudoríparas. O nome foi usado pela primeira vez em 1873 por Tilbury-Fox, que acreditava que o problema era resultado de retenção de suor, o que formava bolhas.

As lesões da disidrose podem causar coceira
As lesões da disidrose podem causar coceira
Publicado por: Vanessa Sardinha dos Santos

Assuntos Relacionados