Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Doenças
  3. Glaucoma

Glaucoma

Glaucoma
O desenvolvimento do glaucoma na maioria dos casos é lento e imperceptível

Glaucoma é o nome dado a alterações irreversíveis que ocorrem no globo ocular. Tais alterações acontecem quando as células nervosas existentes no globo ocular são comprimidas e danificadas, o que ocorre por causa do aumento da pressão dos olhos (tensão intra-ocular). Em alguns casos, a pressão se eleva tanto que as células nervosas morrem provocando a perda da visão, pois é por meio de tais células que o cérebro recebe as informações enviadas pelos olhos.

O glaucoma pode ser: ângulo aberto, quando não há a passagem do fluido nos olhos; ângulo fechado, quando o aumento da pressão ocorre subitamente; agudo, quando ocorre rapidamente provocando dor; congênito, quando acontece por causas genéticas e secundário, induzido por outros problemas oculares.

É causado por inúmeras doenças que bloqueiam os fluidos internos dos olhos. O desenvolvimento do glaucoma na maioria dos casos é lento e imperceptível, pois pode ocorrer durante anos sem que apresente algum sinal aparente, mas existem outros que apresentam dor. Como é irreversível, é importante analisar os olhos periodicamente para conhecer qualquer tipo de alteração nos mesmos, pois não pode ser tratada e sim atrasada. Para atrasar o glaucoma é necessário se submeter a um tratamento que consiste na aplicação de colírios específicos, medicamentos orais e em alguns casos por meios cirúrgicos que podem ser convencionais ou a laser. Como já dito, o objetivo do tratamento é atrasar o avanço da doença.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Pessoas diabéticas, com pressão intra-ocular elevada, com idade igual ou superior a 45 anos ou que possuem casos de glaucoma na família possuem maior risco de ter a doença.

Assuntos Relacionados