Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Física
  3. Termologia
  4. Ponto crítico: Gás e Vapor

Ponto crítico: Gás e Vapor

No diagrama de fases, as curvas de fusão, de vaporização e de sublimação convergem no ponto triplo. Entre essas três, a curva de vaporização é a única que tem um segundo ponto bem definido, o chamado ponto crítico, além do qual essa curva inexiste.

O estado definido pelo ponto crítico permite que a substância se apresente em equilíbrio nas fases gasosa e líquida, com pressão, temperatura e densidade iguais. Esse ponto, característico de cada substância, é definido pela pressão crítica e pela temperatura crítica.

Verifica-se que uma substância na fase gasosa, com temperatura superior à temperatura crítica, mantém-se na fase gasosa qualquer que seja a pressão à que ela esteja submetida. Daí a distinção que se faz entre vapor e gás:

- Vapor é a substância na fase gasosa a uma temperatura igual ou inferior à temperatura crítica. O vapor pode ser condensado, ou seja, transformado em líquido; ou cristalizado, transformado em sólido, por aumento de pressão, mantida constante a temperatura.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Diagrama de fases sólida, líquida e gasosa (vapor)

- Gás é a substância na fase gasosa a uma temperatura superior à temperatura crítica. Mantida constante a temperatura, o gás não pode ser condensado por aumento de pressão.

Em resumo, sendo Tc a temperatura crítica da substância, na fase gasosa, e T a temperatura em que ela se encontra, teremos:

T < Tc = vapor – condensa-se por compressão isotérmica

T > Tc = gás – não se condensa por compressão isotérmica

Para cozimento de alguns alimentos, a água é fervida e uma parte se transforma em vapor
Para cozimento de alguns alimentos, a água é fervida e uma parte se transforma em vapor
Publicado por: Domiciano Correa Marques da Silva

Assuntos Relacionados