Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Física
  3. Termologia
  4. Primeira Lei da Termodinâmica

Primeira Lei da Termodinâmica

A Primeira Lei da Termodinâmica retrata o balanço energético entre as energias inicial e final do sistema.

Primeira Lei da Termodinâmica
Equação geral da Primeira Lei da Termodinâmica

Ao estudar alguns fatos históricos sobre a busca de novas fontes de energia e formas de realização de trabalho percebemos que o homem utilizou diversos recursos. Em função dessas descobertas vimos que tanto o calor como o trabalho e a energia interna são formas de energia e que, pelo que conhecemos de sistemas mecânicos, a energia se conserva e existe uma relação entre trabalho e energia.

Com base nos estudos realizados no decorrer da história, vimos que a Primeira Lei da Termodinâmica trata do balanço energético entre as energias inicial e final do sistema, a energia fornecida e o trabalho realizado pelo sistema, ou seja, podemos afirmar que em qualquer processo termodinâmico analisado, a quantidade de calor Q recebida pelo sistema é igual ao trabalho realizado por ele mais a variação da energia interna.

Assim, podemos expressar a primeira lei da termodinâmica, em termos matemáticos, da seguinte maneira:

Q = T + ΔU

A primeira lei da termodinâmica refere-se a um processo, pois tanto o trabalho quanto o calor não podem ser medidos ou calculados para um único estado termodinâmico. Essas duas grandezas só têm significados quando medidas em instantes diferentes.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Ao referirmos à primeira lei da termodinâmica podemos dizer que ela nada mais é do que a lei da conservação da energia, ou seja, em um processo termodinâmica, a energia total de um sistema se conserva. Dessa forma, podemos dizer que quando o sistema recebe calor, ele pode variar a energia interna e/ou realizar trabalho. Por exemplo, quando colocamos um recipiente com gás sobre uma chama, o gás se expande realizando trabalho e aumenta sua temperatura, ou seja, aumenta sua energia interna.

Nesse tipo de processo termodinâmico, parte do calor que o gás recebe é transformado em energia interna e parte desse calor é utilizado para realizar trabalho termodinâmico. Assim, a soma dessas duas parcelas é igual ao calor recebido, pois sabemos que a energia não pode ser criada e nem destruída, mas apenas transformada. Com isso podemos definir que um determinado gás realiza trabalho quando seu volume aumenta (T positivo). Quando seu volume diminui, o trabalho é realizado sobre o gás (T negativo).

Por Domiciano Corrêa Marques da Silva
Graduado em Física

Assuntos Relacionados