Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Física
  3. Mecânica
  4. Relação entre Trabalho e Energia Cinética

Relação entre Trabalho e Energia Cinética

Seja um corpo de massa m, com dimensões desprezíveis, movimentando-se com velocidade v1, e que, a partir de um determinado instante, fica sujeito a uma força resultante F de mesma direção que a velocidade e que atua durante certo tempo.
Durante a aplicação dessa força, o corpo sofre um deslocamento d, e sua velocidade passa a ser v2.

A ação da força F imprime ao corpo uma determinada aceleração e isso provoca uma variação em sua velocidade. Em outras palavras, a energia cinética do corpo varia.
Pode-se demonstrar que a quantidade de energia transferida pela força F, ou seja, o trabalho realizado pela forca F durante o deslocamento d é igual à variação da energia cinética do corpo. Logo:


Tal resultado é conhecido como teorema da energia cinética, e pode ser aplicado mesmo quando a intensidade da força resultante não é constante.

Teorema:
O Trabalho da resultante das forças agentes em um corpo, em determinado deslocamento, mede a variação de energia cinética ocorrida nesse deslocamento. 

-  Se a resultante realiza um trabalho motor (τ > 0), a energia cinética aumenta. 
-  Se a resultante realiza um trabalho resistente (τ < 0), a energia cinética diminui. 
- Caso a energia cinética não tenha variado entre duas posições, significa que a resultante das forças agentes sobre o corpo realizou um trabalho nulo.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
Publicado por: Marina Cabral
Turbina transforma energia cinética dos ventos em energia elétrica.
Turbina transforma energia cinética dos ventos em energia elétrica.
Assista às nossas videoaulas

Assuntos Relacionados