Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Geografia
  3. Geografia Física
  4. Clima desértico

Clima desértico

Entre as características do clima desértico, podemos citar a elevada amplitude térmica diária e a baixa umidade e pluviosidade anual.

As regiões sob o domínio do clima desértico fazem com que animais e plantas precisem adaptar-se às condições climáticas únicas
As regiões sob o domínio do clima desértico fazem com que animais e plantas precisem adaptar-se às condições climáticas únicas

O clima desértico é especialmente encontrado na região intertropical, ou seja, a zona entre o Trópico de Câncer e o Trópico de Capricórnio. É um clima bastante hostil para o surgimento e manutenção de seres vivos, pois, além da baixíssima umidade do ar, esse clima também registra temperaturas elevadíssimas durante o dia.

Embora os desertos sejam caracterizados como porções do território em que há escassez ou inexistência de seres vivos, o clima desértico a que nos referimos aqui se refere ao apresentado nos desertos quentes, uma vez que espaços como a gélida Antártida também são considerados desertos. Aliás, esse continente gelado é o maior deserto em extensão territorial.

Características do clima desértico

  • Pluviosidade – A particularidade mais marcante do clima desértico é a escassez de umidade. Em alguns desertos extremamente áridos, o índice pluviométrico – média das precipitações – não chega a 200 mm anuais. No entanto, existem algumas regiões de clima desértico que, em determinado período do ano, têm um aumento na incidência de chuvas, embora na maior parte do ano o clima permaneça muito seco.

  • Temperaturas – A maior parte dos desertos quentes, em razão da latitude e da ausência de vegetação e rede hidrográfica, apresenta elevadíssimas temperaturas no decorrer do dia. Em alguns casos, chegam a registrar mais de 50°C nas horas de maior incidência de radiação solar. As temperaturas mais elevadas já registradas no planeta, inclusive, são sempre em regiões de clima desértico.

  • Amplitude térmica – A diferença entre a temperatura máxima registrada e a temperatura mínima é denominada de amplitude térmica. Nas regiões de clima desértico, essa variação impressiona. O calor escaldante apresentado durante o dia nos climas desérticos é substituído durante a noite por temperaturas baixíssimas. Essa variação de temperatura ocorre porque a ausência de umidade do ar faz com que, com a chegada da noite, o calor armazenado na areia dissipe-se rapidamente e a temperatura caia bruscamente.

    Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  • Vegetação – A baixíssima pluviosidade comum aos climas desérticos restringe ou impossibilita a manutenção de uma vegetação de médio e grande porte. Uma vegetação rasteira, com raros arbustos e constituída por espinhos e mecanismos de armazenamento de água são as características principais desse tipo de vegetação.

Localização

O clima desértico é encontrado nas regiões de maior incidência de radiação solar: a faixa intertropical. Circundando o globo terrestre, encontramos o clima desértico nos continentes:

  • África - Na porção norte, está o grande deserto do Saara. Além dele, o clima desértico está presente no deserto do Kalahari e da Namíbia;

  • América – Na América do Sul, o clima desértico pode ser encontrado no litoral do Chile e do Peru: o deserto do Atacama. Na América do Norte, ele é visto no deserto da Califórnia.

  • Ásia - No sudeste do continente, na região do Oriente Médio, estão os desertos do Neguebe e da Arábia.

  • Oceania - Nessa grande ilha, encontramos o clima desértico na porção central da Austrália. A paisagem característica desse país é o deserto de Gibson.

Assuntos Relacionados