Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Geografia
  3. Cartografia
  4. Fusos horários

Fusos horários

Fusos horários do mundo.
Fusos horários do mundo.

Os fusos horários existem em razão da forma esférica da Terra e pelo movimento de rotação que a mesma realiza, além, é claro, do interesse do homem. O movimento de rotação corresponde ao giro que a Terra executa em torno de si mesma. Para a conclusão desse movimento são necessárias 24 horas, o giro completo que o planeta executa possui 360°.

Para a elaboração dos fusos horários, os 360° do movimento de rotação foram divididos pelas 24 horas gastas para a execução completa do mesmo, esse cálculo resultou 15°, que corresponde a 1 hora.

A mudança de fusos é determinada também pela diferença entre os meridianos, ou seja, mudança de um meridiano para outro, tendo em vista que cada fuso possui 15°. Greenwich é o meridiano principal, é a referência global para o estabelecimento de todos os fusos horários existentes no mundo.

O movimento de rotação que a Terra realiza ocorre no sentido Oeste-Leste. Diante desse fato, foi firmado, através de convenção internacional, que a partir do Meridiano de Greenwich, no sentido leste, seria adiantado uma hora a cada fuso, ou seja, 15°. E no sentido Oeste de Greenwich seria atrasado uma hora a cada fuso.

Em decorrência da forma esférica da Terra, a mesma não recebe luz de maneira uniforme. Assim, enquanto determinado lugar é totalmente iluminado, outro perde gradativamente a luminosidade e outros já se encontram totalmente escuros. Essa dinâmica corresponde às etapas do dia: manhã, tarde, noite e madrugada.
O movimento de rotação é responsável pela sucessão dos dias e das noites, pois há momentos em que uma das partes do planeta está iluminada (dia) e outra não (noite).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas

Assuntos Relacionados