Fusos horários

A hora marcada em nosso relógio não é a mesma hora de uma pessoa que mora no Japão. Enquanto que aqui no Brasil é dia, lá é noite, e vice-versa. Por que isso acontece? Essa diferença de hora está relacionada ao movimento de rotação da Terra e ao movimento aparente do sol.

No passado, antes do século XIX, as horas marcadas baseavam-se no movimento aparente do sol. Entretanto, o movimento de rotação da Terra não produz dias e noites iguais, e, por praticidade, adotou-se um tempo solar em que dia e noite tinham a mesma duração.

Mas essa praticidade durou somente até o século XIX, quando as pessoas começaram a deslocar-se de um lugar para o outro com mais intensidade. Dentro de um mesmo país, viram que existia uma diferença de hora de um lugar para outro, e isso causava grandes transtornos.

Para padronizar a hora internacional e sanar o problema, foi realizada a Conferência Internacional do Meridiano, no ano de 1884. Nesse evento, realizado em Washington (EUA), definiu-se um meridiano que seria o ponto zero, servindo de padrão para todas as nações mundiais, criando os fusos horários.

Assim, por votação, estabeleceu-se que o Meridiano Zero passaria no Observatório Astronômico de Greenwich, na Inglaterra, próximo a Londres. Isto é, o Meridiano de Greenwich passa a ser a referência da hora oficial mundial, a chamada hora GMT (Greenwich Mean Time).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A partir de então definiu-se os seguintes regulamentos:

  • A Terra possui 360° de esfera terrestre com o tempo de duração do movimento de rotação de 24 horas (valor arredondado). Logo, 360° ÷ 24h = 15º por hora. Portanto, a cada 15° no movimento de rotação tem-se uma hora.
  • O fuso horário referência, de Greenwich, tem a extensão de 7°30’ a leste e 7°30’ a oeste.
  • São, ao todo, 24 fusos horários. 12 ao Oeste e 12 ao Leste de Greenwich.
  • Para identificação da mudança dos fusos horários, adotou-se os sinais de “+ (mais)”, indicando as horas adiantadas, e “– (menos)“, indicando as horas atrasadas, sempre em relação a Greenwich.
  • Os fusos horários situados a Leste são adiantados em relação a Greenwich, enquanto que os fusos a Oeste estão atrasados. Isso acontece porque a Terra gira de Oeste para Leste, ou seja, o Sol “nasce” a Leste indo em direção ao Oeste.

Por vezes, alguns países são cortados por mais de um fuso horário, como é o caso Brasil. Por isso mesmo, muitos fizeram adaptações dos fusos oficiais aos limites jurídicos de seus territórios, a fim de não gerar transtornos econômicos e sociais.

Publicado por: Regis Rodrigues de Almeida
Mapa que mostra os fusos horários nos países do globo terrestre
Mapa que mostra os fusos horários nos países do globo terrestre
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas

Assuntos Relacionados