Mata Atlântica

A Mata Atlântica é um bioma riquíssimo em biodiversidade, mas sofre com o desmatamento intenso. Atualmente, resta aproximadamente 5% do total original.

Mata Atlântica
A Mata Atlântica é um bioma riquíssimo em biodiversidade.

A Mata Atlântica é um tipo de vegetação brasileira, também denominada de floresta latifoliada tropical. Em sua fase original, era a segunda maior floresta tropical do Brasil e uma das mais ricas em biodiversidade do mundo.

No passado, ocupava o litoral brasileiro desde o Rio Grande do Sul até o Rio Grande do Norte. Em virtude do intenso desmatamento que aconteceu efetivamente durante o século XX, hoje resta algo em torno de 5% do total original, preservado pelo relevo acidentado, que dificulta a exploração.

Leia também: Floresta Amazônica

Causas da degradação da Mata Atlântica

A Mata Atlântica foi intensamente degradada por vários motivos. Podemos citar alguns:

  1. Ocupação urbana (mais da metade da população brasileira habita a costa do país);
  2. Crescente urbanização e industrialização;
  3. Produção cafeeira;
  4. Extração do pau-brasil; etc.

Características gerais 

Essa composição vegetal apresenta-se também em outros pontos do país (Goiás e Mato Grosso do Sul) em que a temperatura é elevada e detém grande umidade. A floresta em questão é fechada e densa e abriga uma enorme biodiversidade.
Apresenta 10 mil espécies de plantas, 131 espécies de mamíferos, 214 de aves, 23 de marsupiais, 57 de roedores, 183 de anfíbios, 143 de répteis e 21 de primatas.

Leia também: Primatas da Mata Atlântica

 

Mico-leão-dourado
O mico-leão-dourado é uma espécie endêmica da Mata Atlântica

Somente em um hectare de Mata Atlântica, situada na parte meridional da Bahia, pesquisadores identificaram 450 espécies diferentes de árvores. Apesar disso, essa floresta corre grande risco de extinção.
O clima predominante nas regiões de mata Atlântica é o tropical úmido, com temperaturas elevadas e chuvas abundantes, sem apresentação de períodos de estiagem. Além disso, possui aspectos particulares, como vegetação típica de ambiente úmido, permanececonstantemente verde e apresenta grande proximidade entre as árvores (densas).

Assista às nossas videoaulas

Assuntos Relacionados