Mato Grosso

Localização do Mato Grosso no mapa do Brasil
Localização do Mato Grosso no mapa do Brasil

O estado do Mato Grosso está localizado na Região Centro-Oeste do Brasil, faz fronteira com os estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, Pará, Amazonas, Rondônia, Tocantins e com a Bolívia. É o terceiro maior estado do país em extensão territorial. Mato Grosso apresenta a menor densidade demográfica dos três estados do Centro-Oeste.

Os estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul compunham um único estado brasileiro. No entanto, em 1977 o governo federal decretou a divisão do mesmo, alegando dificuldade em desenvolver a região diante de sua grande extensão e diversidade. O norte, menos populoso e mais pobre, permaneceu como Mato Grosso. O sul do território, mais próspero e populoso, passou a ser Mato Grosso do Sul.

A extensão territorial do Mato Grosso é de 903.329,700 quilômetros quadrados, conforme contagem populacional realizada em 2010 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), totaliza 3.035.122 habitantes distribuídos em 141 municípios. O crescimento demográfico é de 1,9% ao ano; a densidade demográfica é de aproximadamente 3,3 hab/km². A população mato-grossense se distribui de forma desigual, com desertos demográficos ao norte e áreas urbanas populosas, como Cuiabá e Várzea Grande.

O relevo do estado é pouco acidentado e alterna um conjunto de grandes chapadas, no planalto Mato-Grossense, com altitude entre 400 e 800 metros, e áreas de planície pantaneira, sempre inundadas pelo rio Paraguai e seus afluentes. É caracterizado por planalto e chapadas no centro, planície com pântanos a oeste e depressões e planaltos residuais a norte. O ponto mais elevado é a serra Manto Cristo, com 1.118 metros de altitude.

A cobertura vegetal é composta por cerrado na porção leste, floresta Amazônica a noroeste e pantanal a oeste. O clima é tropical.
Os principais rios do estado são: Araguaia, Cuiabá, das Mortes, Juruena, Paraguai, São Lourenço, Teles Pires, Xingu.


Bandeira do Mato Grosso

Significado da bandeira: o azul representa o céu; o branco, a paz; e o verde, a extensão territorial. A estrela amarela simboliza o ideal republicano e as riquezas minerais do Mato Grosso.

A capital do estado é a cidade de Cuiabá, fundada em 8 de abril de 1719, começou às margens do rio Coxipó, com o surgimento do Arraial da Forquilha, povoamento que deu origem à capital. Sua população atual é de 551.098 habitantes e possui extensão territorial de 3.363 quilômetros quadrados.
Outras cidades importantes do estado são: Várzea Grande, Rondonópolis, Sinop, Cáceres, Tangará da Serra, Barra do Garças.

O maior responsável pela economia é a agropecuária, que gera 40,8% do Produto Interno Bruto (PIB) do estado, o setor de serviços representa 40,2% do PIB, o setor industrial corresponde a 19% do PIB.
Atualmente o estado é o maior produtor de soja do país, sendo o grão o maior produto de exportação do Mato Grosso. O polo de algodão, cujo principal centro é o município de Rondonópolis, chega a produzir 1,2 milhão de toneladas por ano. O crescimento econômico anual do estado supera a média brasileira. O rebanho bovino é um dos maiores do país.

O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do estado é de 0,796, ocupando a 11° posição entre os estados do Brasil. Cerca de 90% dos habitantes com mais de 15 anos são alfabetizados. 
Existe um grande déficit nos serviços de saneamento ambiental, visto que cerca de 50% das residências não têm coleta de esgoto e acesso a rede de água tratada. A taxa de mortalidade infantil é de19,2 para cada mil nascidas vivas.

O estado apresenta grande riqueza cultural, que é representada pelo Cururu, Siriri, Rasqueado Cuiabano, o Boi, a Serra, a Dança de São Gonçalo, a Dança dos Mascarados, o Chorado, Congo, entre outras.
Na culinária se destacam os pratos típicos: Maria Isabel, farofa de banana, pacu assado, pacu na folha de bananeira, moqueca de pintado, bolo de arroz, frango com pequi e linguiça cuiabana.

O artesanato é representado pela viola de concho, bonecas de pano, artesanato em madeira, cerâmica, trançados feitos através de fibras vegetais de taquara e as redes bordadas.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Assuntos Relacionados