O Rio Amazonas

O rio Amazonas nasce na Cordilheira dos Antes e é considerado o maior rio em extensão e volume de água do mundo.

O Amazonas é um rio brasileiro que nasce na Cordilheira dos Andes, ele é o maior do mundo em extensão e volume de água. Há algum tempo, em razão de equívocos técnicos, acreditava-se que o rio Nilo era o maior do mundo em extensão, informação incorreta, uma vez que pesquisas mais recentes constataram que o Amazonas possui 6 868 km de extensão, fato que o colocou como o maior em comprimento e volume.

O rio nasce em terras peruanas, mais precisamente na montanha Nevado Mismi (Cordilheira dos Andes), na porção sul do país, a uma altitude de 5.500 metros. No Peru, o rio dispõe de um modesto volume de águas. Ao chegar às terras brasileiras, o mesmo recebe o nome de Solimões, e se torna Amazonas quando converge com o Rio Negro. Nesse encontro, as águas escuras provenientes do Rio Negro não misturam com as do Rio Solimões, que são claras, promovendo assim um fenômeno de grande beleza.

A superfície na qual o rio percorre é extremamente plana, aspecto que resulta em um grande volume de água. Muitas vezes, em alguns trechos, o rio atinge quilômetros de largura. A característica de rio caudaloso favorece a navegação em praticamente toda a extensão do Amazonas, incluindo também muitos de seus afluentes.

Um fenômeno muito intrigante envolvendo o rio Amazonas acontece em sua foz. Quando as águas oceânicas sobem, em razão da maré alta, a mesma invade a desembocadura do rio, provocando um estrondoso choque e um grande barulho, além de arrancar árvores nos barrancos. Esse fenômeno recebe o nome de pororoca, que é uma onda de grande proporção que se forma a partir do encontro das águas oceânicas com as águas do rio.
 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
Pescadores no meio do rio Amazonas.
Pescadores no meio do rio Amazonas.
Publicado por: Eduardo de Freitas

Assuntos Relacionados