O Rio Amazonas

O rio Amazonas nasce na Cordilheira dos Antes e é considerado o maior rio em extensão e volume de água do mundo.

O Rio Amazonas
Pescadores no meio do rio Amazonas.

O Amazonas é um rio brasileiro que nasce na Cordilheira dos Andes, ele é o maior do mundo em extensão e volume de água. Há algum tempo, em razão de equívocos técnicos, acreditava-se que o rio Nilo era o maior do mundo em extensão, informação incorreta, uma vez que pesquisas mais recentes constataram que o Amazonas possui 6 868 km de extensão, fato que o colocou como o maior em comprimento e volume.

O rio nasce em terras peruanas, mais precisamente na montanha Nevado Mismi (Cordilheira dos Andes), na porção sul do país, a uma altitude de 5.500 metros. No Peru, o rio dispõe de um modesto volume de águas. Ao chegar às terras brasileiras, o mesmo recebe o nome de Solimões, e se torna Amazonas quando converge com o Rio Negro. Nesse encontro, as águas escuras provenientes do Rio Negro não misturam com as do Rio Solimões, que são claras, promovendo assim um fenômeno de grande beleza.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A superfície na qual o rio percorre é extremamente plana, aspecto que resulta em um grande volume de água. Muitas vezes, em alguns trechos, o rio atinge quilômetros de largura. A característica de rio caudaloso favorece a navegação em praticamente toda a extensão do Amazonas, incluindo também muitos de seus afluentes.

Um fenômeno muito intrigante envolvendo o rio Amazonas acontece em sua foz. Quando as águas oceânicas sobem, em razão da maré alta, a mesma invade a desembocadura do rio, provocando um estrondoso choque e um grande barulho, além de arrancar árvores nos barrancos. Esse fenômeno recebe o nome de pororoca, que é uma onda de grande proporção que se forma a partir do encontro das águas oceânicas com as águas do rio.
 

Assuntos Relacionados