Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Geografia
  3. Geografia humana
  4. Organismos internacionais

Organismos internacionais

Os organismos internacionais, além de serem vistos como instituições supranacionais, são considerados espaços de ampla disputa geopolítica e estratégica.

Entende-se por organizações ou organismos internacionais as instituições internacionais que agregam em si ações de vários países sob um objetivo ou bem comum. Elas atuam, desse modo, a partir de diversas causas ou missões, sendo essas abrangentes ou específicas, a exemplo da ONU (Organização das Nações Unidas), do FMI (Fundo Monetário Internacional) e várias outras.

Os organismos internacionais, de um modo geral, podem atuar em diversas frentes, tanto no campo econômico quanto no âmbito social, mas exercem um peso primordial no cerne das relações geopolíticas. Decisões, por exemplo, tomadas na esfera da ONU ou do Banco Mundial, para citar dois exemplos muito comuns, podem reverberar em conflitos ideológicos ou disputas de bastidores entre diferentes governos e Estados. Nesse sentido, as organizações internacionais são encaradas por muitos como centros estratégicos de disputa pelo poder.

A ONU é considerada por muitos como o principal organismo internacional da atualidade, sendo comumente chamada de “estatal mundial”. No entanto, embora essa entidade exerça uma grande influência no mundo, suas ações estão condicionadas aos termos empreendidos pelos seus países-membros, sobretudo aqueles que compõem o Conselho de Segurança, esfera máxima decisória da organização. Nesse conselho, existem apenas cinco países permanentes, os quais têm o poder de veto sobre qualquer decisão (Estados Unidos, China, França, Reino Unido e Rússia), além de dez temporários sem poder de veto.

Espaço de realização da Assembleia Geral da ONU *
Espaço de realização da Assembleia Geral da ONU *

O FMI, por sua vez, apesar de limitar suas ações no plano econômico, também possui um elevado peso político. O organismo opera por meio da concessão de crédito e empréstimos a países que sinalizam necessidade de ajuda econômica, exigindo em contrapartida uma série de medidas político-econômicas internas, geralmente relacionadas com corte de gastos, desregulação da economia e implantação de outras medidas liberais. O FMI foi criado em 1944, na Conferência de Bretton Woods, e conta atualmente com 187 países-membros.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Outra organização internacional de elevado peso político na esfera internacional é a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), criada durante a Guerra Fria como uma espécie de pacto entre os países da frente capitalista diante de um eventual ataque da frente socialista em seus territórios. Atualmente, essa organização bélica é utilizada como um instrumento militar e também um meio de pressão pelas grandes potências, com grande poder de intervenção sobre outros países, a exemplo das ações sobre o Iraque (2003), a Líbia (2011) e a Síria (2013).

A OMC (Organização Mundial do Comécio), por sua vez, atua no âmbito das relações de exportação e importação tanto entre países quanto entre blocos econômicos. Além de julgar recursos e apelações frente a atitudes que possam ser consideradas ilegais ou incorretas por parte dos países – como cartéis e outros –, a OMC objetiva a liberalização mundial do comércio internacional, com a diminuição ou eliminação das barreiras protecionistas e alfandegárias. As disputas no âmbito da OMC e as rodadas de deliberações são consideradas muito importantes e estratégicas geopoliticamente.

Além dessas, existem muitas outras organizações internacionais consideradas importantes e necessárias para uma série de questões. Nesse ínterim, cabe destaque para o BIRD (Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento), a OEA (Organização dos Estados Americanos), a OCDE (Organização para Cooperação e Desenvolvimento), a OIT (Organização Internacional do Trabalho), a OMS (Organização Mundial da Saúde), entre tantas outras entidades.

* Créditos da imagem: Songquan Deng / Shutterstock

Bandeira da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte)
Bandeira da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte)
Publicado por: Rodolfo F. Alves Pena

Artigos de "Organismos internacionais"