Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Geografia
  3. Geografia Física
  4. Rochas Sedimentares

Rochas Sedimentares

As rochas sedimentares formam-se a partir dos desgastes de outras rochas preexistentes.

Exemplo de rocha sedimentar
Exemplo de rocha sedimentar

As rochas sedimentares são rochas formadas pela junção de detritos – chamados de sedimentos – oriundos da fragmentação de outras rochas. Essa fragmentação ocorre graças à ação dos agentes externos ou exógenos de transformação do relevo, em um processo denominado por intemperismo.

Certamente, você já ouviu o ditado “água mole e pedra dura, tanto bate até que fura”. Ele narra justamente uma ocorrência de intemperismo, em que as rochas e os solos desgastam-se, “quebrando-se” em inúmeros e minúsculos sedimentos, como a areia das praias ou a poeira. No intemperismo, podem ocorrer processos químicos, físicos e biológicos que estão sempre modificando o relevo, isto é, a porção superficial da Terra.

Assim, percebemos que as rochas sedimentares são, em comparação aos demais tipos, as menos resistentes e as que mais sofreram com processos de desgaste. Além disso, elas recobrem cerca de ¾ da superfície terrestre, embora em volume elas existam em menor quantidade do que as rochas metamórficas e magmáticas.

As rochas sedimentares têm como uma de suas principais características a sua estruturação em camadas, ou seja, é um tipo de rocha estratificada (veja a figura abaixo). Essas camadas são resultantes da interposição lenta e gradual, que leva milhares e milhares de anos, das diferentes camadas de sedimentos. Essas interposições muitas vezes são responsáveis por “enterrar” ou recobrir os corpos de animais e plantas, dando origem aos fósseis. Estudar as rochas sedimentares é, dessa forma, uma das formas mais eficazes de se estudar os passados histórico, geológico e biológico do planeta.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Formação rochosa do tipo sedimentar. Observe a formação das camadas
Formação rochosa do tipo sedimentar. Observe a formação das camadas

Como as rochas sedimentares se formam?

Sabemos que a formação das rochas sedimentares acontece pela junção de inúmeros sedimentos. No entanto, essa união de pequenas partículas manifesta-se em duas etapas denominadas, respectivamente, por sedimentogênese e diagênese.

 a) sedimentogênese: ocorre através da sucessão dos processos de meteorização, erosão, transporte e sedimentação. Apesar dessa série de nomes, é um processo simples e de fácil compreensão. Vejamos:

Sequência da sedimentogênese
Sequência da sedimentogênese

b) diagênese: ocorre após a sedimentogênese e engloba uma série de processos físico-químicos responsáveis por dar coesão aos sedimentos, formando, assim, as rochas sedimentares propriamente ditas. Ela manifesta-se a partir dos processos de compactação e cimentação.

A compactação ocorre quando as várias camadas de sedimentos vão sendo depositadas umas sobre as outras. Assim, o peso e a pressão exercidos sobre as camadas mais inferiores agem no sentido de compactar as partículas de rochas então dispersas.

Em seguida, durante a cimentação, as camadas desidratam-se e unem-se, formando, finalmente, as rochas.

Assuntos Relacionados