Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Gramática
  3. Ortografia
  4. Curiosidades linguísticas inerentes às vogais

Curiosidades linguísticas inerentes às vogais

Ao nos depararmos com as particularidades relacionadas aos fatos linguísticos, constatamos quão diversas elas são. Traços peculiares relacionados à semântica, como por exemplo, o fato de uma mesma palavra representar múltiplos sentidos, dependendo do contexto que se encontra inserida.

Outra curiosidade que também nos desperta atenção é o fato de uma simples mudança de letra acarretar na mudança de significado, como é o caso das vogais “e” e “i”, objeto de estudo do artigo ora em questão.

Dessa forma, no intuito de concretizar o objetivo a que este se presta, verificaremos algumas considerações em relação ao emprego das referidas vogais, bem como enfatizaremos acerca de ocorrências ligadas a fatores de ordem semântica. Portanto, seguem alguns pressupostos:

Vocábulos grafados com “E”:


# As formas verbais em que o infinitivo se constitui das terminações “-oar” e “-uar”:

abençoar - abençoe
continuar – continue
efetuar – efetue
magoar – magoe
perdoar – perdoe



# Algumas formas verbais em que o infinitivo se constitui da terminação “-ear”:


rastrear – rastreio, rastreias, rastreia, rastreamos, rastreais, rastreiam.

passear - passeio , passeias, passeia, passeamos, passeais, passeiam.



# Vocábulos formados com o prefixo “-ante”:

ante-histórico – anterrenanscentista – anteprojeto .



# Algumas palavras derivadas da terminação “-eano”:

coreano
montevideano



Vocábulos grafados com “I”:


# Algumas formas verbais em que o infinitivo termina com “-air”, “-oer” e “-uir:

atrair – atrai
doer – doí
usufruir - usufrui


# Algumas formas verbais em que o infinitivo se constitui da terminação “-iar”.

denunciar – denuncio – denuncias – denuncia – denunciamos – denunciais – denunciam.

incendiar - incendeio, incendeias, incendeia, incendiamos, incendiais, incendeiam.


Veja agora o quadro relacionado a fatores semânticos:
Por Vânia Duarte
Graduada em Letras

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
Publicado por: Vânia Maria do Nascimento Duarte

Assuntos Relacionados