Desce redondo ou desce redonda?

Desce redondo ou desce redonda?
Trata-se de um adjetivo adverbializado, por isso “desce redondo”

Entre os anúncios publicitários de que temos conhecimento, um deles parece se apresentar com uma notável familiaridade, dada a recorrência manifestada nos meios de comunicação de uma forma geral. Ele, por sua vez, manifesta-se por “Skol, a cerveja que desce redondo”. Pois bem, reativemos nosso conhecimento relacionado à concordância nominal, uma vez que ele nos revela que o adjetivo concorda em gênero (masculino/feminino) e número (singular/plural) com o substantivo a que se refere. Dessa forma, perguntamos: Por que “redondo” e não “redonda”, haja vista que o substantivo se caracteriza pelo gênero feminino: cerveja?

Eis que tal exemplo tão bem confere o suporte necessário para a nossa discussão, pois precisamos estar conscientes de que o adjetivo redondo não modifica o substantivo, mas sim o verbo descer (desce). Tem-se então que “redondo” caracteriza a forma como a bebida desce, ou seja, ela desce redondamente.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Vamos, portanto, a outro exemplo que também apresenta as mesmas características, representado por “A vida passa rápido ou a vida passa rápida”? A conclusão a que se chega é que a vida passa rapidamente, representando a forma, o modo como se dá tal passagem. Dessa forma, o correto é afirmarmos que a vida passa rápido.

Caro(a) usuário(a), mediante os pressupostos aqui elencados, saiba que em ambos os exemplos firmados – a vida passa rápido e a cerveja que desce redondo, manifesta-se uma ocorrência linguística em que o adjetivo, em se tratando de algumas circunstâncias, tais como essa demarcada, atua como advérbio, classificando-se com adjetivo adverbializado.

Assuntos Relacionados