Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Gramática
  3. Dúvidas de vocabulário
  4. Despercebido ou desapercebido?

Despercebido ou desapercebido?

Não raras as vezes, determinados vocábulos, integrantes do nosso léxico, são concebidos como sinônimos. Tal fato quase sempre ocorre em virtude de semelhanças gráficas ou sonoras existentes entre eles – como é o caso de “despercebido” e “desapercebido”.

Em virtude de tal ocorrência, bem como da necessidade de nos mantermos bem informados acerca dos fatos linguísticos, é que reside o intento do artigo – definir as diferenças entre ambas as palavras. Nesse sentido, ocupemo-nos em analisá-las:


Despercebido – refere-se a algo que se não se nota, imperceptível.

De modo a contextualizá-la mediante algumas circunstâncias linguísticas, eis alguns enunciados:

Tão despercebido que estava, nem notou minha presença.

Esperamos que nada passe despercebido.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Caso algo passe despercebido, avise-nos.


Vamos ao sentido de desapercebido, de modo que tudo se esclareça de forma efetiva:


Desapercebido – possui o sentido referente a desprevenido, desprovido, desguarnecido de algo. 

Como se mostrava desapercebido em se tratando do assunto, não foi convidado a palestrar durante o evento.

Parece-me um tanto quanto desapercebido no que se refere aos últimos acontecimentos.

Foi abordado pelos meliantes, justamente por estar desapercebido naquele momento. 


Assim, eis que aprendemos informações precisas que certamente nos servirão de base rumo ao nosso constante aperfeiçoamento linguístico – indispensável em se tratando de situações específicas de interlocução.   


Por Vânia Duarte
Graduada em Letras

Despercebido ou desapercebido, apesar de certas semelhanças, denotam sentidos distintos
Despercebido ou desapercebido, apesar de certas semelhanças, denotam sentidos distintos
Publicado por: Vânia Maria do Nascimento Duarte

Assuntos Relacionados