Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Gramática
  3. Classe de palavras
  4. Verbo
  5. O modo subjuntivo, imperativo e as formas nominais dos verbos auxiliares

O modo subjuntivo, imperativo e as formas nominais dos verbos auxiliares

Propomo-nos por repetidas vezes a reforçar acerca da importância de desenvolvermos nossas competências enquanto usuários da língua. Dentre tais competências, figura-se uma de singular importância – a habilidade em sabermos conjugar os verbos, tendo em vista todas as peculiaridades que a eles pertencem.

Habilidades estas que se referem não somente à escrita, mas também à oralidade, visto que “soa” mal quando não adequamos o verbo ao modo e tempo que lhes são convenientes. Para tanto, sempre quando necessário, devemos recorrer aos postulados gramaticais no intuito de verificarmos acerca dos inúmeros assuntos retratados por estes, sobretudo aqueles inerentes ao padrão formal da linguagem.

Partindo desse pressuposto, nada que algumas dicas não representem significativos subsídios. Nesse sentido, o objetivo retratado pelo artigo em evidência pauta-se por evidenciar acerca dos verbos auxiliares, tendo em vista os modos subjuntivo, imperativo e as formas nominais que a eles são atribuídas. Vejamo-las, portanto:


Modo subjuntivo


Presente



Pretérito imperfeito

 

Futuro




Modo imperativo


Afirmativo

 

Negativo



Formas Nominais


Infinitivo impessoal



Infinitivo pessoal



Gerúndio



Particípio




Por Vânia Duarte
Graduada em Letras

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Assuntos Relacionados