Você está aqui Mundo Educação História da América

História da América

Publicado por: Tales dos Santos Pinto
A História da América alterou-se profundamente após a chegada dos colonizadores europeus
A História da América alterou-se profundamente após a chegada dos colonizadores europeus

A História da América tem origens distintas, que dependem do ponto de vista que se toma para realizar a narrativa histórica. Do ponto de vista dos habitantes nativos do continente, essa origem histórica está radicada há milhares de anos e foi contada, sobretudo, através das fontes orais e pictográficas. Do ponto de vista dos ocupantes europeus, essa história iniciou-se com a chegada dos primeiros navios à região, no final do século XV.

A América pré-colombiana presenciou o surgimento e desaparecimento de civilizações grandiosas, que deixaram um importante legado cultural e arquitetônico, como foi comprovado pelas civilizações maias, incas e astecas. Também os demais povos que habitaram e ainda habitam as demais regiões da América do Sul, Central e do Norte deixaram suas contribuições para a conformação das características da população desse imenso continente. É necessário notar que o percurso histórico desses povos não se fez sem contradições e sem divisões entre povos distintos e que no interior dessas sociedades ocorreram guerras, conflitos e opressões.

Entretanto, a chegada dos europeus ao continente a partir de 1492, quando Cristóvão Colombo atracou nas ilhas caribenhas, transformou profundamente a configuração social, econômica, cultural e ambiental da América e dos povos que a habitavam. Os primeiros impactos ocorreram com a exploração econômica dos recursos naturais e da terra, como também pelo genocídio de milhões de seres humanos. Os europeus trouxeram ainda para o continente milhões de africanos escravizados, que com seu suor e sangue foram utilizados para construir a sociedade americana atual.

A partir do fim do colonialismo e dos processos de independência, o continente americano conheceu também um desenvolvimento desigual do sistema capitalista. De um lado, os EUA tornaram-se o país em que melhor esse sistema de exploração e criação de riquezas desenvolveu-se, tornando-se a principal potência econômica e militar do século XX. De outro lado, uma infinidade de países que se convencionou chamar de subdesenvolvidos, quando comparados aos países de economia capitalista consolidada, em que a miséria, a fome e doenças afligem milhões de habitantes.

Mas mesmo dentro desses países há o componente de desenvolvimento e o do subdesenvolvimento. A pobreza, a exploração e a opressão também são verificadas na História dos EUA, principalmente nas classes subordinadas da sociedade. Já nos demais países considerados como subdesenvolvidos, há a riqueza e a opulência de uma minoria de grupos sociais que controlam economicamente e politicamente esses países.

Nesta seção, oferecida pelo Mundo Educação, os estudantes, pesquisadores e demais pessoas interessadas na História da América poderão encontrar uma série de artigos que trabalham os dois pontos de vista referentes à História do continente, tanto o dos antigos habitantes do continente quanto o dos que aqui chegaram após o século XV. Poderão encontrar também as inúmeras contradições que compõem as trajetórias históricas das ações desses habitantes nesse espaço geográfico e que resultaram na sociedade que é vivida nos dias atuais.

Boa leitura!

Seções de "História da América"

Artigos de "História da América"