Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. História Geral
  3. Idade Antiga
  4. Roma Antiga
  5. Surgimento de Constantinopla

Surgimento de Constantinopla

A partir do século II d. C., o Império Romano começou a esboçar sua fragilidade decorrente das guerras civis, das disputas internas pelo poder político e das invasões externas de estrangeiros. No presente texto analisaremos os fatores que suscitaram o surgimento da cidade de Constantinopla no século IV d. C.

 No ano de 330, Constantinopla foi construída pelo imperador Constantino. A cidade (atual cidade turca de Istambul) se encontra localizada no estreito de Bósforo, entre o Oriente e o Ocidente, na confluência de importantes rotas comerciais.

Inicialmente, a construção de Constantinopla (pelo imperador Constantino, no ano de 330) e, posteriormente, a divisão do Império em duas partes (executada pelo imperador Teodósio, em 395) tinham como principal objetivo evitar, controlar e manter a preponderância do Império Romano.

A construção de Constantinopla foi realizada no local onde existira a cidade grega de Bizâncio. Constantino, na época, comprometeu-se com o desenvolvimento cultural, artístico e social da cidade. O imperador deslocou pinturas e esculturas de diferentes regiões do mundo para a cidade. Arquivos e documentos da Antiguidade Clássica (Grécia) foram preservados e incorporados às bibliotecas, passando a fazer parte dos seus acervos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Constantinopla, por se localizar em estratégica rota comercial, ficou conhecida como uma cidade cosmopolita, com influências culturais tanto do Ocidente quanto do Oriente. No século VI d. C., a cidade viveu seu apogeu e sua população chegou a aproximadamente 1 milhão de pessoas.

No ano de 395, tentando controlar a crise, o imperador romano Teodósio dividiu o império em duas partes: o Império Romano do Ocidente, com a capital em Milão; e o Império Romano do Oriente, cuja capital era Constantinopla. Além disso, Teodósio entregou o Império dividido para seus dois filhos: Honório e Arcádio.

Assim, o Império Romano do Ocidente foi governado inicialmente por seu filho Honório; enquanto Arcádio governou o Império Romano do Oriente, cuja capital, Constantinopla, foi erguida para contemplar a nova capital do Império Romano, isto é, para ser a Nova Roma.

Publicado por: Leandro Carvalho
Antiga capital do Império Romano do Oriente, Constantinopla (atual Istambul, capital da Turquia)
Antiga capital do Império Romano do Oriente, Constantinopla (atual Istambul, capital da Turquia)
Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto

Assuntos Relacionados